Contatos

Muito obrigada por toda a ajuda de vocês!

Dra. Giselle Keller (CRMV-RJ: 9893)
E-mail: giksouza@gmail.com

"A compaixão para com os animais é das mais nobres virtudes da natureza humana". (Charles Darwin)

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Gatinha com esporotricose...

Ai, gente...

Mais uma vítima...
Esta gatinha linda, super fofa e carinhosa tinha "dono".
Seu nome Mel é e ela tem pouco mais de um ano de idade e já é castrada.
Ela foi levada para a clínica da Amanda para tratar suas "feridas", porém tratava-se de esporotricose.
Quando o "dono" soube e viu o custo do tratamento mandou sacrificá-la!
Nem a biópsia para confirmar o diagnóstico, que ficou em 100 reais, ele pagou!





A Amanda se recusou a sacrificá-la, e agora nós duas vamos bancar o tratamento dela.
Só que como temos outros protegidos o custo de tudo isso pesa um pouco...
Assim, quem puder ajudar, a ajuda será muito bem vinda!!!
Ela precisa tomar Itraconazol de 25mg (ITL) todos os dias, por alguns meses, até que fique boa, além de suplementos vitamínicos (pois ela está com a saúde debilitada) e protetor hepático. 
O custo do seu tratamento neste primeiro mês ficou em 652,00 (incluíndo a biópsia que não foi paga), e nos demais meses ficará em 552,00. Este custo inclui todos os medicamentos e as diárias na clínica.
Eu vou muito ao Rio de Janeiro e a Niterói, portanto, se alguém puder doar o medicamento (ITL de 25mg - encontra em pet shops ou farmácias veterinárias) e/ou suplementos como glicopan, hepatopharme e similares, eu posso agendar um dia e buscar!
Doações de ração e areia higiência também são muito necessárias, pois além dela também sempre temos outros gatinhos resgatados, principalmente filhotinhos.

Aproveitando esta postagem, seguem fotos recentes do Chiquinho, o gatinho que veio de Rio das Ostras, através da protetora Ana Rocha, também pra tratar de esporotricose. Olhem como ele está lindão!!! Já está praticamente curado!!! Quero agradecer muito aos que ajudaram, principalmente a Marcia e a Kathia, que com suas doações são corresponsáveis pelo sucesso deste tratamento e por salvar a vida desde gatão!!!
Quem quiser adotá-lo, muito em breve ele estará disponível!!!
A Mel também estará disponível para adoção, após ficar curada! 




Estes casos servem para provar que a esporotricose é perfeitamente tratável!!! É só ter paciência, dedicação, amor e fazer o tratamento de forma correta, pelo tempo necessário!

Beijo grande a todos!
Giselle
:) 

275 comentários:

  1. Olá Gisele vi o post da gatinha, e ñ tive como ñ comentar. Tenho pego bastantes gatos com esporotricose tb!! E na farmácia bio molecular, estão manipulando o itraconazol de 100mg a um preço bem acessível, e estou utilizando também o iodeto de potáasio duas vezes por semana e estou tendo excelentes resultados.

    ResponderExcluir
  2. Oi Rafael! Essa doença é triste, né?! Aqui nós não temos farmácia de manipulação, mas as vezes que usamos itraconazol manipulado não tivemos bons resultados... nem sempre respondia bem, ou então o resultado era muito mais lento. A gente aqui só usa o ITL mesmo, pois o resultado é bem mais rápido e confiável! Como não dá pra brincar com essa doença, e tem dado certo assim, prefiro manter como está... Mas obrigada pela dica!!! Boa sorte com os seus aí!!! Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Oi Gisele.Moro RJ em Pedra de Guaratiba.Aqui tb aparece vârios casos desta doença em gatos e cachorros.
    Uso o itraconazol, mas compro na farmácia 100mg 15 caps por 33,90 na drogaria do povo.
    Tenho obtido a mesma resposta de melhora ,sem usar o veterinário ITL.Geisa

    ResponderExcluir
  4. Oi Gisele, td bem?? Moro no Rj e meu gatinho está com essa doença e está com algumas dessas feridas. Já estou dando itraconazol, o que eu posso passar nas feridas para cicatrizar?? Agradeceria muito se pudesse me dar algumas dicas... Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Patrícia! Dá uma lida na dica do Rafael lá no comecinho dos comentários desta postagem, pois a dica dele é muito boa e dá certo! Boa sorte e cuide bem do seu gatinho que logo ele está perfeitinho de novo!

      Excluir
    2. Boa noite... o meu gato tem a esporotricose. ... e o vet dele passou cetaconazol... para as feridas... e foi muito eficiente...as feridas secaram bem rapido..

      Excluir
  5. minha gata está com o mesmo problema, o veterinário passou itraconazol de 50mg, pq é pelo peso.,mandei manipular pq nas farmácias só tem de 100mg, ele pesou a gata e deu a dose.foi uma luta dar o remédio,na carne não comia,nem no peixe, na seringa então além de comer a ponta e perder quase todo remédio ela arranhava a gente feio ,pra quem tem o mesmo problema, comprei whiskas amassei e coloco o remedio ,aleluia!!! ela come tudo, está melhorando..depois dou a ração pq nem na ração ela comia....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Essa dica é boa sim! Também faço isso para medicar alguns que não aceitam engolir comprimidos com facilidade. Outra boa dica é usar atum! Eles também amam, e o gosto e o cheiro do atum ajudam a esconder o do comprimido moído, aí eles comem e nem percebem o remédio! ;)

      Excluir
  6. Ola moro no Rj e o itraconazol veterinario esta muito caro, sera que posso dar de humano? Estou sem condiçoes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu usei o de gente no meu gatinho, paguei 28,00 10 caps. E deu resultado com 15 dias de tratamento.

      Excluir
  7. Na verdade bainda nãoo levei ao veterinario, mais tenho certeza que é a doença pois eu tinha uma gata com a mesma e eles ficavam juntos, pois eu não conhecia a doença, a ferida esta aumentando a cada dia eo veterinanario que esta no meu orçamento eu eu não o encontro, me ajudem, por favor, meu marido quer ate sacrifica-lo, mais acho pecado pois ele esta comendo e bebendo. Normal so esta com as feridas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana Cláudia, pode dar de humano, mas tem que dividir ao meio (se for cápsula, abre e separa o conteúdo, dá só a metade por vez). Também pode mandar fazer em farmácia de manipulação (comprimidos de 50mg).

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  8. Olá, moro no RJ (São Gonçalo) e meu gato foi diagnosticado com esporotricose. Começou com uma pequena ferida na unha que foi crescendo e apareceu mais uma pequena na pata. Ja estou dando o ITL 50 mg, mas apareceu uma nova feridinha, ele continua se alimentando muito bem, mas não consigo fazer ele ficar quietinho em casa, ele quer fugir. Será que prender ele é a solução? e o fato dele não sossegar pode atrapalhar a cicatrização? esta doença me deixa muito preocupada, o veterinário passou Rifocina para as feridas tb.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Iara! Se puder prender será bem melhor sim... Mas o tratamento é demorado, e os resultados também demoram a aparecer...

      Excluir
  9. A Rifocina o faz miar muito. Dá uma peninha dele absurda, e parece que a pata vai ficando mais feia... Se continuar se alastrando as feridas pode ser que o remédio não esta fazendo efeito ou é "normal"?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O normal é os ferimentos estacionarem e depois irem diminuindo... Conversa com o veterinário sobre não usar a rifocina, e no local usar iodeto de potássio duas vezes por semana.

      Excluir
  10. Olá. Os ferimentos do pé estão cicatrizando bem. Mas o pelo das orelhas esta caindo, e esta com uma casquinha branca. Isso é efeito normal da medicação?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que está cicatrizando, bom sinal! Sobre o pelo das orelhas, pode acontecer sim. Depois volta ao normal! ;)

      Excluir
  11. Desculpe amigo, mas vc me assutou com o preço do tratamento, ainda não levei meu gato ao veterinário mas provavelmente ele tem esporotricose, o problema é que não tenho mesmo esse dinheiro todo para fazer o tratamento todo mês, e não é falta de amor ou vontade, é falta de condições embora eu até esteja disposto a fazer sacrificios para a saude do gato, te escrevo na esperança que vc me diga que eu entendi errado, por exemplo, vc gasta tudo isso mas é por causa das despesas com diarias na clinica? se não fossem essas diárias seria mais barato? Espero sua resposta, pois estou preocupado!
    jayzon.abdn@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Abadon! No caso desta gatinha fico mais caro porque ela teve que ficar internada na clínica. Quando o proprietário pode cuidar em casa (é simples: dar o medicamento e fazer o tratamento local, o que nem todo caso é necessário) fica mais barato, porque só tem o custo do remédio. E o mesmo pode ser feito em farmácia de manipulação, barateando ainda mais. Então leve o mais rápido possível ao veterinário para confirmar se é mesmo esporotricose e comece o tratamento o quanto antes, para que a situação não se agrave e ele precise internar. :)

      Excluir
    2. Ah, e no caso dela, por ter ficado meio "largada" pelo ex-dono, ela estava debilitada, então precisou de suplementos. Tudo isso encareceu o tratamento... No seu caso acredito que nada disso será necessário! ;)

      Excluir
  12. Meu gatinho foi diagnósticado com esporo,está a quatro dias tomando amoxilina,ranitidina, itraconazol e nutrifullcat ! Mas gostaria de saber se tem algo que possa passar nas feridas.
    Se sim,onde consigo comprar e como administro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Iasmin! Um colega de profissão deu a dica aqui mesmo, numa postagem acima, de fazer uso de iodeto de potássio duas vezes por semana nas feridas (não use mais do que isso). Você compra em farmácias mesmo.

      Excluir
    2. Iodeto de potássio é dar via oral.

      Excluir
  13. Oi por favor me ajudem!!só o itraconazol cura?pq ele passou outros remédios e eu só comprei esse

    ResponderExcluir
  14. Uma caixa com 10c custou 80 reais e eu não vou deixar a gata morrer e nem jogar fora

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Em geral só o itraconazol cura sim, associado a uma alimentação correta (ração de boa qualidade). Mas é preciso tratar por no mínimo 3 meses, mesmo que os sintomas já tenha desaparecido. Você também pode mandar manipular o medicamento, que fica mais barato! :)

      Excluir
    2. amigo va ate a farmacia e vpeçav traxonol itraconazol 100 mg custa 40 reais divida o remedio da pr um mes pois vem com 15 uni

      Excluir
  15. Oi Giselle!
    Meu gatinho parece estar com a doença, mas os exames não acusam. A vet disse que é normal isso. Mas as feridinhas são iguais. O tratamento com o medicamento veterinário é impraticável para mim e quase tive de optar pela eutanásia, chorei tudo que podia, até encontrar sua página e ver que posso tratar com o medicamento humano que é muito mais acessível. Graças a Deus encontrei vc, entendo que é uma resposta. Uma dúvida... meu gatinho é impossível de manter isolado e ainda tem contato com outros pets meus, dois pinschers. Tenho medo de eles pegarem a doença também. Mas eles gozam de saúde e não apresentam ferida alguma, graças a Deus. Meu medo é o gatinho arranhá-los nas brincadeiras. Mas eu poderia tratar os cachorrinhos com o medicamento humano tb?

    E como usar o iodeto de potássio? é um pózinho? ele pode lamber isso?

    além dessa doença de pele, ele está com conjutivite(estou passando uma pomada chamada epitezam), está tb com rinotraqueite(a medica passou agemoxi CL 50, só consigo dar um comprimido por dia).

    Já o castrei para evitar que ele volte para as ruas. As ruas só trouxeram problemas para ele ;(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tatiana! Que bom que você pesquisou, então! rssss! Além de poder usar o humano, você pode mandar manipular, que sai ainda mais barato! Só pense em tratar os outros bichinhos se algum deles aparecer com a doença, o que não vai acontecer! Realmente eles só vão pegar caso sofram algum arranhão do gatinho, e ainda assim podem não pegar. Se acontecer, pode usar o mesmo tratamento sim. O iodeto de potássio é um pozinho sim. O ideal é que o gatinho não lamba... Como é para usar só duas vezes por semana, quando aplicar procure ficar com ele no colo por alguns minutos, assim ele não vai lamber. A conjuntivite provavelmente é uma sequela da rinotraqueíte. Eu trato a rinotraqueíte com doxiciclina, ainda mais que seu gato está com esporotricose, seria melhor, pois ela tem efeito muito mais rápido! Teria que dar um comprimido de doxiciclina de 12 em 12 horas por 10 dias. Seria a de 80mg, dividindo o comprimido ao meio, dando metade a cada 12 horas. Caso seu gato não esteja melhorando da rinotraqueíte, conversa sobre essa opção com a veterinária que te atendeu. Castrar foi a melhor coisa que você poderia ter feito!!! Todos devem ser castrados. A qualidade de vida deles melhora muito! Qualquer dúvida é só deixar mensagem aqui que eu respondo! E vai ficar tudo bem, fique tranquila! :)

      Excluir
  16. Giselle, estão todos com muito medo. a veterinária disse que crianças, gravidas e idosos são grupo de risco. Eu tenho esse grupo de risco em casa.... estou destruida, não posso colocar a vida das pessoas em risco, por mais que eu ame meu gatinho. Já não tenho mais lágrimas pra chorar.... vou ter de optar pela eutanásia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Tatiana, não faz isso... O risco de contágio é muito pequeno! É só as pessoas não ficarem pegando ele no colo. Para que haja contágio ele teria que arranhar a pessoa, e ainda assim pode não transmitir.

      Excluir
  17. Boa tarde a todos!Onde encontrar o itraconazol 50mg mais em conta? encontrei por 110,00 60cáps, o que dá pra um mês. Moro no Rj em Caxias

    ResponderExcluir
  18. Boa tarde a todos!Onde encontrar o itraconazol 50mg mais em conta? encontrei por 110,00 60cáps, o que dá pra um mês. Moro no Rj em Caxias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kellen! Essa informação eu não sei, pois moro na Região Serrana do Rio... Mas, em geral, para gatos nós usamos o itraconazol de 25mg (em média um gato pesa entre 3 e 4kg), então o de 50 você teria que dar metade por vez. Neste caso, daria para dois meses. A não ser que seu gato seja bem grandão. Aí seria 50mg por vez mesmo... Você também tem a opção de mandar manipular o medicamento, que sai bem mais barato! :)

      Excluir
  19. Boa noite! Apareceu um gatinho aqui em casa de aproximadamente 2 meses com uma sarna na cabeça comecei a trata-lo e começou a sair algumas feridas pelo corpo sendo na cabeça e na patinha então passei bepantol e depois comecei a passar neomicina, entretanto lendo esse post começo a desconfiar que ele esteja com esporiotricose, entretanto estou sem dinheiro para trata-lo uma vez que gastei minhas economias para salvar duas gatinhas que estavam envenenadas e o tratamento ficou muito caro e agora não sei o que fazer...é só o itraconazol que funciona ou posso usar algum antibiótico como por exemplo cefalexina? desde ja obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Silvana! Sem examinar não tem como saber o que é... Se for esporotricose, antibióticos não adiantam nada, porque a doença é causada por um fungo e não por bactérias. Onde você mora tem alguma faculdade de veterinária por perto?! Se sim, veja se eles prestam atendimento gratuito, pois em geral eles prestam, ou a preços muito baixos. Assim você poderia ter um diagnóstico do que o gatinho tem... Caso seja esporotricose, o tratamento é este mesmo...
      Leia minhas respostas aos comentários acima, pois eu explico com mais detalhes, inclusive a opção de fazer o remédio manipulado, que sai bem mais barato! :)
      Boa sorte!

      Excluir
  20. Olá, li algumas postagens..e queria passar minha experiência!
    A minha família tem vários gatos eu tenho um casal rs
    vi que falaram do preço do medicamento Itraconazol...eu paguei 140,00 por 90 cápsulas, e não é de farinha é granulado.
    o prazo para as feridas começarem a fechar é de 30 dependendo da situação. .mas o tratamento deve ser contunuo pelo menos por mais 3 meses após a cicatrização total...ou seja uns 5 a 6 meses de tratamento..obs: nao se deve passar nada no local..o proprio remedio q cura...ainda se for algo que deixe mais melado...
    Bem no caso dos meus gatos...com 20 dias comecei a ver resultado...boa sorte pra quem ta com seus bichinhos assim...cuidem e rapido pq essa doença se espalha muito rapido.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão por nos contar sua experiência! É bom as pessoas verem que cuidado, carinho e o tratamento adequado livram os gatinhos dessa doença e eles ficam curados! :)

      Excluir
  21. olá ! li alguns comentarios sobre o valor do tratamento que e realmente muito caro mas eu encontrei uma alternativa mais enconta eu comprei o traxonol itraconazol 100 mg na farmacia custo de 40 reais com 15 capsula abra a capsula divida o remedia da pr tratar durante um mês fiz isso com o meu gato com apenas 40 dias ja esta bem sequinho a ferida tambem fui orientado a nao passar nada na ferida tive um ótimo resultado espero ter ajudado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gratidão por compartilhar sua experiência aqui, Marcio! :) É claro que ajuda, porque a experiência das pessoas mostra que essa doença tem cura! :)

      Excluir
  22. Oi gente!! minha gatinha tb foi diagnosticada..depois q perdi um gato com essa doença tive q obtar pela eutanazia, aqui no nordeste nao é muito comum esses casos então poucos veterinarios tem conhecimento,meu gato nao resistiu devido a falta de experiencia dos veterinarios..hoje minha gatinha tem 4 meses de tratamento nos primeiros 2 meses vi resultado ficou aparentimente curada, a medica começou a fazer um desmame da medicaçao realmente o tratamento é caro!!! hj estou manipulando a medicação...mas a realidade mudou hj estou muito triste porque faz umas 2 semanas que o sitoma voltou a aparecer!!! estou perdendo as esperanças fiz tudo direitinho...e tenho outros pets e realizei o tratamento preventivo na outra gatinha nessa graças a Deus não aparentou os sitomas...vou continuar o tratamento encontrei uma cefalexina em pomada na farmacia de manipulaçao e vou tentar fazer o tratamento com itraconazol humano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não perca a esperança! As vezes a doença volta mesmo.... Por isso que é necessário manter o tratamento por no mínimo mais 30 dias após o desaparecimento dos sintomas. Então, dessa vez, não diminua a medicação quando os sintomas sumirem. Espere mais 30 dias e só então suspenda o remédio. :) E não precisa usar cefalexina em pomada, não... Ela é antibiótica, e neste caso não tem efeito nenhum, pois trata-se de um fungo.

      Excluir
  23. Meu gato foi diagnosticado com esporotricose. O problema é que ele sai muito. O que devo fazer?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Natália, enquanto ele estiver em tratamento o ideal é mantê-lo preso em casa...
      Dê um jeito de impedi-lo de sair...
      Boa sorte!

      Excluir
    2. O problema é que minha mãe faz tratamento de quimioterapia... Você acha legal prendê-lo numa guia com coleira fora de casa?

      Excluir
    3. Olha... Legal não é, porque gatos detestam ficar presos em coleiras e isso vai deixá-lo deprimido, o que atrapalha muito o tratamento. Não tem um quartinho, banheiro, depósito, algum lugar onde possa deixá-lo preso?! Ou tenta conseguir emprestado com alguém uma casinha de transporte de cachorro, grande, e mantenha ele preso dentro dela, com água, comida e caixinha de areia. É melhor do que preso na coleira...

      Excluir
  24. oi estou desesperada descobri que meu gato esta com essa doença e pior meu esposo não quer mais ficar com ele por medo de que o gato passe a doença pra familia ele dorme na cama e ñ consigo fazer ele mudar de habitos ñ posso prende lo na coleira poq as feridas sao muitas e nao tenho gaiolão ele quer sacrificar o animal mas eu nao queria q chegasse a esse ponto e tbm e muito dificil pra ele tomar o remedio pois ele nao come no pate ja tentei ai tenho q abrir a boca dele correndo o risco dele me arranhar uq fazer me ajudem nao quero desfazer do meu peludinho morro de pena dele pedindo carinho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Liane! Essa doença não é tão fácil de pegar como se imagina... Ele teria que arranhar um de vocês ao ponto de sair sangue, e estar com os esporos na unha. Ainda assim, não é todo mundo que pega. Vai depender do sistema imunológico de cada pessoa. Só pegar o gatinho no colo, fazer carinho, etc., não passa a doença. Já cuidei de vários gatos com esporotricose e nunca peguei. Se você tiver como conseguir uma casinha de transporte de cachorro, pode mantê-lo preso nela durante o tratamento. Se não tem como, o ideal seria interná-lo. Procure na região se há alguma clínica que seja associada a uma faculdade de veterinária, pois nestas a internação costuma ser a preço de custo!
      Boa sorte!

      Excluir
  25. e tbm ele esta espirrando muito

    ResponderExcluir
  26. Olá, trato um gato com esporo e mesmo ele nunca tendo me arranhado ou mordido peguei a sindrome oculoglandular de Parinaud. Bem rara mas peguei e terei que fazer o tratamento com itraconazol. Tenho muitos comprimidos manipulados de 100 da Drogavet que dou p ele.Posso tomar os mesmos?

    ResponderExcluir
  27. Oi!
    Olha... Aí já é uma questão médica, e como veterinária eu não posso nem opinar. Só seu clínico é que pode responder essa questão...

    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  28. Ola
    tenho 2 gatos com este problema quanto tempo deve durar o tratamento ?
    depois q seca as feridas deve continuar quanto tempo dando o remédio ?

    ResponderExcluir
  29. O tempo de tratamento varia de acordo com cada quadro clínico... E o ideal é continuar medicando por, no mínimo, 30 dias após desaparecerem todos os sintomas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado
      e itraconazol de 25 mg é suficiente os gatos pesam em torno de 3 quilos

      Excluir
    2. Por nada! :)
      Sim, para gatos até 3 ou 3,5kg o Itraconazol de 25mg é suficiente. Lembrando que deve dar de 12 em 12h.
      Boa sorte!

      Excluir
    3. Por favor, me esclareça uma dúvida, tenho suspeita de criptococose na minha gata e ela está como o gatinho ali, com nódulos bem grandes dos gânglios linfáticos submandibulares, porém minha dúvida é, se sumirá com o tratamento, ou se não sumirá, será preciso remover para que a criptococose não volte, já que os criptococos estão encubados nestes nódulos? Por favor, me ajude!

      Excluir
  30. Olá Giselle,
    Meu gatinho está com essa doença, demoramos a descobrir, ele ficava muito na rua e as vezes voltava arranhado e um dia apareceu com a pata machucada, achamos q fosse um machucado qualquer. Agora, depois de diagnosticado, a doença está evoluindo muito rápido, estou dando a 1 semana o Itraconazol de 50mg em pasta, foi feito em farmácia de manipulação. Ele ta preso, porém ta tão machucado, gostaria de saber se há algo mais que posso fazer? E, em quanto tempo vejo alguma melhora?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Patrícia,
      Não sei se você leu nos comentários acima, mas muitos veterinários indicam o uso de iodeto de potássio duas vezes por semana direto no machucado (é um pó).
      Sobre o remédio em pasta, te confesso que não conheço... Então não tenho como opinar sobre isso...
      Essa doença as vezes demora um pouco a apresentar melhoras... É importante verificar se seu gatinho está bem nutrido, pois isso atrapalha a recuperação. Muitas vezes, por causa da doença, eles não comem direito, e ficam ainda mais debilitados... Se ele estiver emagrecendo, é importante dar suplementos pra ele. Dá uma lida nos comentários acima e nas minhas respostas, vai encontrar outras dicas que podem ser interessantes pra você.
      Boa sorte!

      Excluir
  31. Eu gostaria de saber se o remédio em pasta tem o mesmo efeito?

    ResponderExcluir
  32. Eu tenho mais uma dúvida, estava lendo que o itraconazol não pode ser misturado com o leite, isso é verdade? Pois tenho dado com leite..
    Obrigada Gisele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei disso, não... Nunca ouvi falar que não pode. Já dei com leite, com atum, com pastinha, e sempre funcionou! rsssss!
      Bjs!

      Excluir
  33. boa tarde! descobri que minha gatinha esta com essa doença,levei ao veterinário e ele passou itraconazol 100 mg estou tratando com esse remédio e ela esta com 2 ferimentos, ele disse pra tratar o ferimento com tintura de iodo humano, sendo que uma ferida esta sarando a outra é maior e estava formando uma casca, mais a casca caiu e o ferimento não sarou esta em carne e vivo, ela parou de comer, esta comendo so dando na boca, estou batendo no liquidificador ração golden e o alimento da latinha ad hills, ele acha que pode esta atacando o figado por causa da medicação, e receitou o remedio HP HAIR PRO FIGADO, ela vai fazer exame de sangue novamente pra ver como esta, estou cuidando e não estou vendo resultado, preciso de ajuda, e gostaria de saber se tem um medicamento mais eficaz pra ajudar a secar as feridas, estou fazendo de td gastando o que não posso, mais não estou vendo resultados. estou fazendo o tratamento ja tem 1 mês e 15 dias.

    ResponderExcluir
  34. boa tarde! descobri que minha gatinha esta com essa doença,levei ao veterinário e ele passou itraconazol 100 mg estou tratando com esse remédio e ela esta com 2 ferimentos, ele disse pra tratar o ferimento com tintura de iodo humano, sendo que uma ferida esta sarando a outra é maior e estava formando uma casca, mais a casca caiu e o ferimento não sarou esta em carne e vivo, ela parou de comer, esta comendo so dando na boca, estou batendo no liquidificador ração golden e o alimento da latinha ad hills, ele acha que pode esta atacando o figado por causa da medicação, e receitou o remedio HP HAIR PRO FIGADO, ela vai fazer exame de sangue novamente pra ver como esta, estou cuidando e não estou vendo resultado, preciso de ajuda, e gostaria de saber se tem um medicamento mais eficaz pra ajudar a secar as feridas, estou fazendo de td gastando o que não posso, mais não estou vendo resultados. estou fazendo o tratamento ja tem 1 mês e 15 dias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Letícia, dá uma lida nos comentários acima e em minhas respostas, pois tem várias dicas ali que respondem suas dúvidas. Estou viajando, e digitar explicações grandes pelo celular é ruim...
      Veja a explicação sobre o uso do iodeto de potássio nas feridas, que vai te ajudar!
      Bjs!
      Boa sorte!

      Excluir
  35. boa noite levei minha gata no vet, fez o teste pra saber se tem o virus da leucemia e deu positivo, mais é como se o virus tivesse incubado e possa se manifestar a qualquer momento, ele passou o itl 50 mg por 10 dias, e depois passar pro de 100, o itl sei que e veterinario, ja ouvi muita gente dizer que não faz efeito, e passou uma pomada colagenase, mais me sinto insegura, não sei se e certo passar essa pomada, e baixar a dose por 10 dias e ele disse que gatos que tem o virus da leucemia tem imunidade baixa pra ficar curado, estou muito confusa, a fio cruz esta lotada não tem vaga, quero salvar minha gatinha, e ele passou iodeto de potassio pra dar liquido, ouvi falar que muito toxico. é o 2 veterinario que a levo.

    ResponderExcluir
  36. Em fevereiro minha gatinha apareceu com uma feridinha na pata. Depois de consultar três vet e nenhum conseguir identificar o que estava acontecendo ( diziam que era uma bact e ñ passavam exame) me desesperei e fui procurar na net.
    Me deparei com o ITRACONAZOL, vi que era pra fungo.O último vet garantiu que ñ era esporotricoze.
    Começamos a medica-la com o itraconazol 50mg e a pomada Sulfadiazina de prata, a ferida está praticamente fechada. E ainda tem 8 capsulas do remédio. Como vi que o itraconazol afeta o fígado damos junto merceptom.
    Minha dúvida é: Se no caso da esporotricoze a ferida fechando tem que dar o itraconazol mais um mês, no caso da minha gata, que o vet garantiu(no olhometro) que era uma bact já que fechou seria adequado parar o itra ou continuar?

    ResponderExcluir
  37. Quando digo que me desesperei é porque o vet receitou um remédio e disse que se em 15 dias não melhorasse ele iria AMPUTAR a pata da minha gatinha ( considerando que desde fevereiro ela está nessa situação).
    O que está tirando o meu sono é o Itraconazol, penso em parar e a ferida abrir e penso em continuar e ela ficar com problema no fígado ou rim.
    Acredito que dia 13 já esteja totalmente fechado com um mês de tratmento com o itraconazol.
    Nossos planos é que após fechar totalmente ela fique mais um mês com o colar pra ñ lamber e machucar.
    Mas repito o que fazer sobre o itraconazol ?
    Será que poderia me ajudar ?

    ResponderExcluir
  38. Estou com dois dos meus 7 gatinhos com esporotricose. Estão isolados em ambientes diferentes. Um deles teve a lesão no nariz que está cicatrizada mas ele espirra mto. Alguém sabe me dizer se esta doença afeta a estrutura interna do nariz? É uma sequela definitiva?
    Marisa/Magé/RJ

    ResponderExcluir
  39. O segundo gato está com lesão na parte trazeira do corpo e numa das patas. Agora pareceram lesões na boca na direção das presas. Parece que os caninos furaram o l[abio inferior. Alguém já passou por isso? Seriam atfas ou outra doença oportunista? Dou aos 2 Anizem e Pró-fígado. Alguém pode me ajudar?
    Marisa/Magé/RJ

    ResponderExcluir
  40. Com relação ao itraconazol a minha experiência é a seguinte: o primeiro gato recebeu a prescrição de ITL 50mg (ele pesava 6,5kg) porém a lesão no nariz foi piorando. Levei em outro vet que receitou 65,g do itraconazol manipulado em farmácia de minha confiança e aí ele foi melhorando lenta mas visivelmente. Está entrando no 3º mês de tratamento. A ferida fechou mas ainda espirra mto.
    O segundo gato foi atendido por uma vet que prescreveu ITL 100mg. Fiquei em dúvida diante da diferença de prescrição e entrei em contato com os vet pesquisadores da FIOCRUZ que usam o ITL100g ou o itraconazol humano e não recomendam o manipulado. Pois bem nesse gato a melhora está mto lenta e pretendo fazer um teste de FIV/FELV nele. Devido ao preço da medicação veterinária e diante dos bons resultados obtidos no 1º gato, hoje entrarei com itraconazol manipulado. São mtas opiniões e nós que amamos nossos animais ficamos perdidos. Teve um vet que demonizou a manipulação. Porém, como já disse, confio na famácia e consegui curar o meu primeiro gato. Marisa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marisa! Em relação às lesões na boca, pode ou não ser da esporotricose... Só examinando pra ter certeza... Pra ajudar nas feridas que são da esporotricose você pode usar o iodeto de potássio duas vezes por semana. Nas da boca, o ideal era levar para examinar e ter certeza se são ou não.
      Sobre remédio manipulado, a questão é justamente ser uma farmácia de confiança.
      Dependendo da gravidade das feridas no nariz, pode sim afetar a estrutura interna... Só o tempo e o processo de cura podem mostrar como vai ficar.

      Boa sorte!

      Excluir
    2. Olá! Volto ao blog para informar que os meus dois gatinhos já estão no período de manutenção. Como eu havia informado, passei a usar o itraconazol manipulado nos dois e deu tudo certo. Qto às lesões na boca levei ao vet e parecem que realmente foram feitas pelas presas que são mto grandes e pontudas.
      Usei para os dois os medicamentos homeopáticos Anizen, Pró-gastro e Pró-fígado que deram bons resultados. Foi difícil mante,r 2 animais que sempre foram soltos, isolados e em quartos separados. Hoje deixei os dois saírem para circular dentro de casa mas estou com medo de deixar que saiam para o jardim.

      Excluir
    3. Que boa notícia! Gratidão por nos dar essas informações!
      E você fez certo. Por enquanto é melhor deixá-los dentro de casa... Gatos gostam de passear por aí, e podem sumir o dia todo, e passar a hora da medicação...
      Bjs! :)

      Excluir
  41. minha gatinha esta com esporotricose em tratamento, com itraconazol e iodeto de potassio, melhorou, mais esta perdendo apetite, as feridas estao quase secas, mais ja tem 2 meses tomando remedio, e tem que continuar mais 2 meses, tenho duvida se tenho que manter o remedio de figado ou não,ela ta tomando hp hair para o figado, e tenho medo dos efeitos colaterais dos remedios, tenho medo dela não aguentar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! É comum perder o apetite, mas você precisa fazê-la comer... Para estimular, é bom tentar dar pastinhas e/ou atum em lata, que em geral eles amam!
      E precisa sim continuar com o remédio para o fígado, pois ele é um protetor, na verdade. Protege o fígado contra os efeitos colaterais do remédio.
      Bjs! Boa sorte! :)

      Excluir
  42. Boa noite moro em Jacarepaguá meu vizinho descobriu que seu gatinho tem esporotricose e abandonou o bicho na rua acabei adotando o gato e comecei o tratamento espero que fique curado pois e muito carinhoso e amigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vitor!
      Parabéns por sua atitude!!!
      Infelizmente a maioria das pessoas faz o que seu vizinho fez...
      Ainda bem que o gatinho teve você no caminho dele!
      Ele vai ficar curado sim!!!
      E você ganhou um grande amigo!
      Parabéns de novo!
      Bjs! Boa sorte!

      Excluir
  43. Obrigada, minha gata sarou as feridas com 2 meses de tratamento; obrigada pelas dicas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que boa notícia!!!
      Gratidão por nos contar seu sucesso!
      Vida longa e com muita saúde pra você e sua gatinha! :)

      Excluir
  44. Boa noite; minha gata já está com as feridas secas ; mais continua tomando itraconazol; ela está precisando tomar remédio de verme pode tomar ou não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom! Ela está curando! Precisa continuar tomando itraconozol até sumir tudo e depois por pelo menos mais 15 dias.
      Pode tomar o remédio de verme sim. E é bom administrar durante todo o tratamento um protetor hepático, para proteger o fígado, já que os medicamentos são metabolizados por ele.
      :)

      Excluir
  45. descobri uma lesão redonda e com uma casca grossa no lado esquerdo do meu gato. Não havia perda de pelo. Pensei que fosse algo que caiu e grudou na pele. Tirei a casca e vi que era uma ferida. Coloquei rifocina e a lesão diminuiu. Tirei mais uma vez a casquinha, que agora estava bem mais fina e fácil de sair e reapliquei a rifocina. Vou observar por mais uns dias. Se a lesão continuar a diminuir, posso descartar essa doença? Ele não coça nem lambe. Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Adriana!
      Em casos de feridas não se deve remover a casca... Só limpar o local e aplicar o medicamento que estiver usando.
      Em geral a esporotricose aparece nas patas e no rosto, pois são os locais mais comuns de entrarem em contato com o fungo, que fica em plantas e na terra. Como no seu gato está na lateral do corpo, não deve ser.
      Se a ferida não melhorar, leve a um veterinário para ser examinado.
      Enquanto isso, limpe o local com água oxigenada e pode usar a rifocina mesmo, duas vezes ao dia.
      Boa sorte!

      Excluir
    2. Muuuuuito obrigada, querida. Farei isso sim. Namastê!

      Excluir
    3. Muuuuuito obrigada, querida. Namastê!

      Excluir
  46. Olá Gisele,
    Poderia me tirar uma dúvida sobre a Esporotricose?
    Minha gatinha adquiriu esta doença a uns 5 anos. Desde então viemos tratando com intraconazol. Ela começou com uma ferida pequena na orelha e no nariz. Fizemos o tratamento direitinho, as feridas fecharam e ainda sim continumos dando o remedio por mais uns 3 meses..... ela ficou mais ou menos 1 ano e meio sem tratamento porque achamos que ela já tinha se curado, quando apareceu novamente a ferida no nariz.... a ferida começa interna no nariz, faz um calombo e depois ela abre, porem quando damos o remedio a ferida nem chega a abrir. Queria saber se ela nunca ficará curada? Já passei por situações dificeis com ela... engravidei e mesmo assim fiquei com ela apesar de todos me criticarem por isso rs, e meu filho já está com 3 anos e tenho muito medo por ele. Queria saber se a doença estando controlada, sem feridas, se tem risco de transmissão? e se realmente nunca conseguirei curá-la?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karina!
      Em alguns casos a cura dessa doença é mais complicada sim... Mas como passou um ano e meio sem tratar e só depois voltou, pode ser uma recontaminação, e não a mesma doença.
      Tenho lido alguns trabalhos e visto algumas pessoas tratarem com iodeto de potássio em cápsulas, mas pra isso o ideal seria você levá-la a um veterinário para que ele faça a receita e você leve para manipular. Outra dica que recebi de um amigo veterinário é de fazer o uso diariamente de bicarbonato de sódio em pó direto na ferida, pois o fungo gosta de ambiente ácido, e o bicarbonato deixa o ambiente básico, então o fungo morre.
      Sobre seu filho, o risco de pegar essa doença é pequeno. Ele teria que estar com uma ferida no corpo e colocar a mão na ferida da gatinha e em seguida na ferida dele, para se contaminar. A esporotricose só é transmitida por contato do fungo com mucosa exposta...
      Bjs! E boa sorte!

      Excluir
  47. aqui em buzios tem muitos gatos com essa doença,eu fiquei sabendo que os donos de pousadas de armaçao dos buzios estao mandando matar os pobres animais e lamentavel ):

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente tem muita gente que não tem amor aos animais e prefere esse tipo de atitude lamentável...
      É muito triste... :(

      Excluir
  48. A minha gatinha está com essa doença, A veterinária passou itraconazol manipulado pela Drogavet de 50 dar um comprimido todos os dias durante 60 dias, mas Lexin 1/2 comprimido durante 6 dias, mais cort-trat 1 comprimido 2× vz ao dia durante 10 dias e passar pomada CMR na ferida de 3em 3 dias. mas quanto mais eu faço curativo pior a ferida fica. e ela está espirrando muito e com dificuldade de respirar pior que eu estou com medo de pegar no meu outro gato, já está com 15 dias de tratamento e não ví melhora nenhuma.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Zaninha! Na verdade, o itracanozol é pra ser dado de 12 em 12 horas, e não uma vez ao dia. Em vez dessa pomada na ferida, coloque bicarbonato de sódio, duas vezes ao dia. Vai secar super rápido, você vai ver!
      Bjs!
      Boa sorte!

      Excluir
  49. Boa noite o meu gatinho apareceu com a ferida na para e já foi diagnosticada a esporotricose, estou passando rifocina na ferida, rilexine comprimido 2x ao dia e iodeto de potássio uma cápsula ao dia...porém li muita indicação do itraconazol...contínuo o tratamento indicado ou mudo? Pois meu gato apresenta diarréia constante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Annelise,
      Hoje tem muita gente optando pelo uso do iodeto de potássio, no lugar do itraconozal e tem dado bom resultado! Mas o uso da rifocina da ferida não é indicado... Use bicarbonato de sódio, duas vezes ao dia. Vai ser bem melhor!
      Também não vejo motivo pra usar rilexine, pois é um antibiótico, e a esporotricose é causada por fungos e não por bactérias.
      O que você precisa dar é um protetor hepático, que pode ser a silimarina (50mg por dia - compra de 100mg e dá meio comprimido por dia). A silimarina é o princípio ativo, e tem vários medicamentos com nomes comerciais diferentes, mas com o mesmo princípio ativo.
      Isso você precisa dar.
      Bjs,
      Boa sorte! :)

      Excluir
  50. Olá, boa noite! Me mudei pra uma casa há 20 dias e nela já morava uma gatinha, muito mansa e carinhosa! Reparei essa semana umas feridas pelo corpo e descobri a esporotricose! A veterinária receitou o itl 50mg e recomendou que manipulássemos e déssemos 1x ao dia! A questão é que reparei agora que a gata está grávida, minha preocupação é que passe a doença para os filhotes que irão nascer... Comecei o tratamento hoje, mas pelo que pesquisei parece que os filhotes nascerão logo, ou seja, nascerão e as feridas da mãe ainda estarão abertas... Nunca tive gatos e não sei como lidar com a situação! Aliás, vi você comentado que é da Região Serrana! Sou de Petrópolis e não poderei ficar com os filhotes de souber de pessoas interessadas me avise por favor para que eu possa doá-los! Agradeço muito se puder responder em relação à transmissão da doença no momento do parto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Na verdade, o ITL precisa ser dado duas vezes ao dia, de 12 em 12h, não uma vez só.
      Como já comentei em várias respostas a outros comentários acima, é recomendado que se use nos locais das feridas o bicarbonato de sódio duas vezes ao dia (pois ajuda a matar o fungo e a secar as feridas mais rápido) e também pode usar o iodeto de potássio (é um pozinho também - compra ambos na farmácia) duas vezes por semana.
      Sobre passar para os filhotes, é um risco sim... Inclusive, o uso da medicação não é indicado em gatas prenhas, mas neste caso se não tratar é pior, então melhor manter o tratamento.
      Quando mais secas estiverem as feridas antes dos filhotes nascerem, melhor, pois minimiza bastante o risco. Vai secar super rápido com o uso destes pozinhos! Então comece a usar o bicarbonato de sódio e o iodeto de potássio o quanto antes!
      É preciso dar também um protetor hepático pra ela. Use a silimarina (50mg por dia - compra de 100mg e dá meio comprimido por dia). A silimarina é o princípio ativo, e tem vários medicamentos com nomes comerciais diferentes, mas com o mesmo princípio ativo. Compra na farmácia também.
      Quando os filhotes nascerem, faz uma postagem no facebook com a fotinho deles e me marca nela, que eu compartilho com meus amigos para conseguirmos adotantes pra eles! Eu moro em Areal, perto de Itaipava, então moramos perto!
      E depois que a mãezinha ficar boa, procure castrá-la, assim não gera novos filhotes...
      Parabéns mil vezes por sua atitude em adotar e cuidar dessa gatinha! Você está sendo um anjo na vida dela e dos filhotes!

      Excluir
  51. Oi Giselle!

    Muito obrigada por responder! Seguirei suas recomendações! Não tenho facebook mas quando nascerem aviso por aqui e se puder ajudar agradeço muito! Descobri com o caseiro da casa ao lado que deixaram a gata na minha casa enquanto estava vazia poucos dias antes de nos mudarmos, provavelmente porque já estava doente! O ser humano é o bicho mais egoísta mesmo, ainda bem que temos os animais pra nos fazerem pessoas melhores! Parabéns a você pelo seu trabalho e solidariedade!
    Abraços,
    Mariana Armond Tardelli

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mariana!
      É um prazer quando posso ajudar! Me sinto feliz! :)
      Realmente os animais nos fazem pessoas melhores! Azar dos que não compreendem isso...
      Bjs! :)

      Excluir
  52. Giselle, vc é um anjo que achei por aqui. Com todas as dificuldades estou tratando meus 4 gatos com esporotricose. Além do itraconazol, tem algum medicamento para a nariz? Um deles tem uma ferida aberta no nariz e espirra muito. Fora essa eles não tem feridas abertas. Graças a Deus!
    Viviane (viva_goulart@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Viviane!
      Anjo é você, que não abandonou seus filhos por causa da doença! :)
      O que eu recomendo é colocar bicarbonato de sódio nas feridas, inclusive no nariz, pois elas fecham rapidinho!
      Pode usar duas vezes por dia.
      Os fungos (e o esporotrix é um fungo) gostam de ambiente ácido, e o bicarbonato de sódio deixa o ambiente básico, o que ajuda a matar os fungos!
      Também pode usar iodeto de potássio, sendo que este só duas vezes por semana, nas feridas (é um pózinho também).
      Com isso as feridas fecham super rápido e eles param de espirrar.
      E lembre de usar diariamente um protetor hepático!
      Eu gosto da silimarina (50mg por dia).
      Bjs!
      Boa sorte! :)

      Excluir
  53. Minha gatinha idosinha tem a doenca e ja trato citraconazol 100mg a seis meses e ta melhor so falta o nariz.
    ADOREI as dicas dos pos e simalarina p figado, obrigada ajudou mt!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que ajudou! Que sua gatinha fique 100% curada logo!
      Bjs!

      Excluir
  54. Olá, também comprei o itraconazol 25mg, vc faz o tratamento dando meio/comprimido em 12 em 12 horas e por quanto tempo? Ou é 1 comprimido a casa 12 hs? Meu gato pesa uns 3ks e li na receita que deve ser dado a cada 5mg/kg por ´peso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luciana! No caso do seu gato, com 3kg, é um comprimido de 25g a cada 12h. E use um protetor hepático, como já citei em comentários acima, e experimente o bicarbonato de sódio nas feridas, para ajudar a secá-las mais rápido!
      Bjs!

      Excluir
    2. Obrigada por ter me respondido!
      Estou dando a ele o medicamento, mas tem uma complicação. Ele não fica direto em minha casa, não gosta de ficar preso. Então eu o solto a noite, como saio para trabalhar, acabo só o vendo pelo menos uma vez ao dia... então ficou difícil dar o medicamento de 12 em 12 horas... estou dando uma vez ao dia, já está apresentando melhoras, coça bem menos e as feridas já estão sequinhas... Como vc pode me orientar? Ele já toma o medicamento a 20 dias. Já que vc orienta a não dar o medicamento uma vez ao dia, mas não dar tempo de dar duas doses ao dia a cada 12 hs, pois não o vejo quando saio cedo para trabalhar.

      Excluir
  55. Estou usando o itraconazol na minha gata a quase 3 meses.so que ainda nao cicatrizou por completo.estou notando que esta mexendo com o rins dela.pois ela faz xixi a todo minuto e com um pouco de sanque .estou preocupada.vou ter que parar com o medicamento..infelizmente. Estou comprando o remedio no site da ultrafarma que custa 25reais de 100mg com 15 comprimidos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Andrea! 100mg é muito por vez! Deve ser dado no máximo 50g a cada 12h, dependendo do peso. Gatos até 3kg damos 25g a cada 12h, e acima de 3kg 50g a cada 12h. E sempre fornecendo protetor hepático diariamente, como já expliquei várias vezes em comentários acima.
      Use bicarbonato de sódio nas feridas, duas vezes ao dia. E tente o iodeto de potássio também, duas vezes por semana. Vão ajudar a secar as feridas mais rápido.
      Bjs!

      Excluir
  56. Estou usando o itraconazol na minha gata a quase 3 meses.so que ainda nao cicatrizou por completo.estou notando que esta mexendo com o rins dela.pois ela faz xixi a todo minuto e com um pouco de sanque .estou preocupada.vou ter que parar com o medicamento..infelizmente. Estou comprando o remedio no site da ultrafarma que custa 25reais de 100mg com 15 comprimidos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andrea, te respondi no comentário acima.
      Outra coisa: dê o medicamento de 12 em 12h, nunca uma vez só ao dia. Ok?!
      Bjs!

      Excluir
  57. Olá Giselle boa tarde!
    Adotei 05 gatinhos a mãe e seus 04 filhotes todos castrados👐, um deles está com esporotricose o Tigrinho ele tem 07 quilos começamos o tratamento em outubro era uma pequena ferida perto da unha a veterinária fez tratamento com antibiótico por 07 dias ouve uma pequena melhora no início depois piorou fez o teste e deu positivo desde então damos itraconazol 100mg ao dia conforme prescrito sem melhora a um mês a Vet. acrescentou iodeto de potássio e nada agora apareceu na outra patinha. Ele continua se alimentando normalmente mas está mais magrinho e agora apresenta alguns espirros. Não sabemos mais o que fazer estamos falindo a veterinária só diz que demora mas já estamos no 4 mês de tratamento e só piora!

    ResponderExcluir
  58. Existe a possibilidade de haver infecção junto com esporotricose? E gatos com edporo tem tendência a ter rinotraqueite???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paula!
      Como você está dando o itraconazol? 100mg não pode ser dado de uma vez só... É demais. Acaba com o fígado do gato...
      E o remédio tem meia vida curta. Ele precisa ser administrado de 12 em 12 horas. No caso do seu gato ele precisa receber 50mg a cada 12h.
      Além disso, como deve ter lido em comentários acima, precisa dar um protetor hepático diariamente, e nas feridas pode aplicar bicarbonato de sódio duas vezes ao dia e iodeto de potássio duas vezes por semana.
      Faz isso e depois me conta se melhorou!
      Sobre a rinotraqueite, se o gatinho não é vacinado, a situação complica mesmo... A esporotricose, como qualquer outra doença, baixa a imunidade e deixa o gatinho mais susceptível a contrair doenças oportunistas...
      Neste caso precisa tratar a rinotraqueite também...
      Eu recomendo dar doxiciclina de 12 em 12h, em geral cura a rinotraqueite rapidinho. Precisa dar por no mínimo 7 dias, às vezes por 10 dias. Precisa tratar por mais três dias após desaparecerem todos os sintomas da rino.
      Mantenha ele bem alimentado.
      Boa sorte!!!

      Excluir
  59. Olá! Bom dia! Meu nome e Dayane , tenho um gatinho de 3 anos. Há três semanas ele está com esporotricose. Não o levwi no veterinário mais um amigo que e veterinário viu as fotos e disse que e sim essa doença . não o levei no veterinário por falta de amor e sim por falta de dinheiro .. Comprei itraconazol de humano 100mg, só estou dando ele de 12 em 12 horas. Minha mãe estava passando uma pomada de humano para micose , e melhorou, até sumiu de um canto mais foi p outro além da para direita perto dos ovinhos dele , ele está agora com isso a cima do olho perto da orelha. Gostaria de saber se o remédio que estou dando , por ser de humano, pode fazer mal a ele , pq não tive dinheiro pra comprar o de uso veterinário. Ele possui 15 cápsulas , pensei em dividir maia não e possível .. Gostaria de saber se posso deixar ele solto ,pois ele só vai para o mato fazer as necessidades dele e volta . e qual outro medicamento que posso está dando a ele. Aguardo resposta �� Muito obrigada e parabéns por seu trabalho e amor aos bichos . bom dia !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dayane!
      100mg é muito por vez! Deve ser dado no máximo 50g a cada 12h, dependendo do peso.
      Abra as cápsulas e dívida as bolinhas. Dê a metade misturada em patê para gatos, que ele vai comer sozinho! Guarde a outra metade é dê 12h depois. Ou mande manipular o itraconazol em farmácia de manipulação, em cápsulas de 50mg. E sempre forneça protetor hepático diariamente, como já expliquei várias vezes em comentários acima. Leia os comentários anteriores, pois têm muitas dicas.
      Use bicarbonato de sódio nas feridas, duas vezes ao dia. E tente o iodeto de potássio também, duas vezes por semana. Vão ajudar a secar as feridas mais rápido.
      Bjs!

      Excluir
  60. Olá Giselle para minha tristeza meu gatinho que estava com esporo morreu na manhã desta segunda. Infelizmente estamos enfrentando quase que epidemia desta doença e para piorar nos deparamos com o despreparo de alguns profissionais. No primeiro sinal de que houvesse algo errado com tigrinho era apenas um inchaço perto da unha de uma das patinhas levei á veterinária que sem realizar exame algum aplicou injeção de antibiotico e antinflamatorio e prescreveu antibiotico por mais 10 dias ele piorou o que era inchaço progrediu para uma ferida retornamos e ai ela decidiu fazer o exame da lamina que deu positivo para esporo nisso já haviamos gastado 120,00 entre injeção e medicamento errado, a partir daí começamos o uso do itraconazol de 100mg que ela não orientou que fosse dado dividido 02 vezes ao dia mesmo questionada manteve 01 vez ao dia perguntei sobre o protetor hepático e ela disse que já que não estava enjoando não era necessário, após 45 dias sem muita melhora porém estabilizado não abriram outras feridas decidiu prescrever junto ao itl o iodeto de potássio. Em fim fizemos contato com ela pois após 60 dias de tratamento ininterruptos abriu outras duas ferias com presença de secreção o que apontava infecção e ela disse que era tipico da esporo para termos paciencia, semana passada notei outra ferida uma 3ª e espirros seguidos levei novamente e lá ela nos disse que o caso dele era desanimador ai prescreveu protetor hepático hephar, antibiotico, pomada de cetoconazol, betamesona e neomicina, promun cat que é para aumentar a imunidade e uma pastinha suplementar recovery. O Tigrinho estava com 03 feridas com secreção e dor dificuldade respiratória sem comer sem beber e ela nos orientou a dar medicamentos alimentação e agua com seringa e para enfiarmos a capsula do itl inteira na boquinha dele impossível. Tentamos durante todo sábado e domingo e ele estava com dificuldade de engolir também até que depois sofrer um pouco ele descansou segunda de manhã. O que quero dizer a todos é que o Tigrinho não morreu de esporotricose ele morreu de Rinotraqueite não diagnosticada e não tratada corretamente a esporo baixa a imunidade dos nossos bichinhos e atrai doenças oportunistas e por falta de maleabilidade e responsabilidade alguns veterinários em se tratando de esporotricose só sabem repetir dê só o itraconazol e tenha paciência. Porque não prescreveu o suplemento antes? Poque não prescreveu o Promun Cat para imunidade antes? Porque não nos alertou quanto a outras doenças e principalmente porque não avisou que a rinotraqueite é transmitida aos outros pelo ar pelos espirros? Peço á todos donos de bichinhos e veterinários não esperem chegar a uma fase critica para fazer o que deve ser feito prevenção poderia ter salvo o tigrinho que sofreu até seu ultimo minuto. Muito triste!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa... Fiquei muito triste com essa notícia...
      Agradeço muito seu depoimento, pois a história do tigrinho pode ajudar muitos outros...
      Infelizmente há muitos colegas veterinários mal preparados para combater a esporotricose...
      É uma doença séria, mas que cuidada apropriadamente desde o início tem cura.
      Sobre o uso de suplementos e promotores de imunidade, nem sempre são necessários. Se o gatinho continuar se alimentando normalmente, não precisa. Mas caso ele perca o apetite, aí sim é fundamental suplementar!
      E não se deve jamais usar o itraconazol sem protetor hepático! E evitar dar outros medicamentos, a menos que esteja com doenças secundárias. Entupir o gatinho de remédios só sobrecarrega o fígado, muitas vezes sem necessidade.
      O Tigrinho agora é uma estrelinha, mas tenho certeza que ele foi muito feliz com você e partiu levando todo este amor que pode compartilhar com você em vida!
      Ele está em paz ❤️

      Excluir
  61. Olá, Giselle! Parabenizo-a pelo site, assim como pela sua preocupação c/ os animaizinhos. Adotei uma gatinha com uma ferida próximo ao rabo. No abrigo, me haviam dito que ela por lambedura, mas ao trazê-la, as feridas aumentaram e foi diagnosticado esporotricose. Li acima que o itraconazol deve der ministrado duas vezes ao dia. Porém, levei a gatinha de 2,900 kg na Heloisa Justen, uma das maiores especialistas em felinos do Brasil e ela o receitou uma vez ao dia apenas ela manhã (ITL 50 mg). Passada a etapa inicial, entrou agora com a manipulação de iodeto de potássio manipulado (1 vez ao dia, à noite, 30 mg). Resolvi lhe escrever em razão da anotação acima de que o itraconazol teria que, obrigatoriamente, ser dado em duas doses diárias. Um abraço e tudo de bom!

    ResponderExcluir
  62. Corrigindo: a Dra. Heloisa Justen receitou o itraconazol 50 mg apenas uma vez ao dia, pela manhã. O iodeto - 30 mg, uma vez ao dia, à noite.

    ResponderExcluir
  63. boa tarde essa doença Esporotricose so dá em gatos? Porque minha cadela esta com uma ferida na boca , na parte inferior, achei que fosse o dente canino que tivesse feito aquela ferida, e fiquei colocando rifocina . sem resultado , criava uma casca na ferida ,mas qd a casca caia percebiamos que continuava inflamada. Nesse tempo aparesceu uma ferida no nariz, levamos ao veterinario e ele receitou antibiotico e omega 3. passado os 15 dias de medicaçao e nada de melhora. A ferida da boca continua e a do nariz so cresce. voltei com ela ao veterinario, e agora vou entrar com itraconazol 50mg 2xao dia e continuar com omega 3. Vendo os depoimentos acho que se trata de esporotricose, estou errada? essa doença tb pode dá em cães?

    ResponderExcluir
  64. Oi Elineide!
    Sim, essa doença acomete cães também! Mas o ideal é ter o diagnóstico correto, pois há outros fungos e bactérias que podem causar sintomas semelhantes...
    O ideal é que o veterinário faça uma biópsia da ferida e mande para análise.
    Bjs!
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  65. Olá Dra. Giselle Keller, meu nome é Kamilla e na minha rua apareceu uma gatinha com esporotricose e ela ainda está prenha. Estpu cuidando dela e uma outra vizinha da o remédio. Ela compra em farmácia de manipulação. Mas acho que o tratamento está demorando um pouco é normal??? Ela já está indo para o terceiro mês de tratamento, está bem melhor, só está demorando um pouco. Queria saber se além do itraconazol, teria algum outro medicamento que ela tenha que tomar ou algo para passar na ferida. Também gostaria de saber se faz mal o tratamento para a gravidez, pois ela está prenha e já vai ter os filhotinhos, e os filhotes, nascem com esporo???
    Fico no aguardo de sua resposta. Muito obrigada!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kamilla!
      Alguns casos demoram mais mesmo...
      Use bicarbonato de sódio nas feridas, duas vezes ao dia. E tente o iodeto de potássio também, duas vezes por semana, nas feridas. Vão ajudar a secar as feridas mais rápido.
      O risco de passar esporotricose para os filhotes existe sim...
      Após eles nascerem, no contato com as feridas da mãe.
      Caso apresentem alguma ferida com o passar dos dias, coloque bicarbonato de sódio nelas.
      Vamos rezar para que não peguem!
      Bjs!
      Boa sorte!

      Excluir
  66. Oi Gisele,adquiri uma gatinha persa q veio com fungos mas não o mesmo da sporo. Por isso quando a outra gatinha apareceu com a essa doença não tratei devidamente. Notei q não melhorava até chegar e essa triste conclusão. Depois de medicamentos receitado pelo vet não causar melhora alguma, pesquisei muito e chegamos a conclusão que ela estava com esporotricose. Entrei com o itraconazol e minhas duvidas vem na dosagem. Uns falam sobre 50mg e outros 100mg. Na primeira semana dei 50,depois dei 100, pq na verdade o vet não disse qual na receita. Agora estou dando o de 100. Minha pergunta é se posso voltar a dose para 50. Estou com 3 semanas de tratamento e só notei uma discreta melhora depois da pomada de cetoconazol+dipropinato de betametasona que o vet foi contra mas continuo a colocar. Acho ainda tudo muito confuso mas pelo menos é unânime o uso de itraconazol, mesmo sem saber ao certo a dosagem. Minha gatinha tem 3kg. Obrigada pelos esclarecimentos.

    ResponderExcluir
  67. Oi Gisele,adquiri uma gatinha persa q veio com fungos mas não o mesmo da sporo. Por isso quando a outra gatinha apareceu com a essa doença não tratei devidamente. Notei q não melhorava até chegar e essa triste conclusão. Depois de medicamentos receitado pelo vet não causar melhora alguma, pesquisei muito e chegamos a conclusão que ela estava com esporotricose. Entrei com o itraconazol e minhas duvidas vem na dosagem. Uns falam sobre 50mg e outros 100mg. Na primeira semana dei 50,depois dei 100, pq na verdade o vet não disse qual na receita. Agora estou dando o de 100. Minha pergunta é se posso voltar a dose para 50. Estou com 3 semanas de tratamento e só notei uma discreta melhora depois da pomada de cetoconazol+dipropinato de betametasona que o vet foi contra mas continuo a colocar. Acho ainda tudo muito confuso mas pelo menos é unânime o uso de itraconazol, mesmo sem saber ao certo a dosagem. Minha gatinha tem 3kg. Obrigada pelos esclarecimentos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Valéria!
      Eu recomendo o itraconazol de 50mg de 12 em 12 horas.
      Além disso, como deve ter lido em comentários acima, precisa dar um protetor hepático diariamente, e nas feridas pode aplicar bicarbonato de sódio duas vezes ao dia e iodeto de potássio duas vezes por semana.
      A melhora as vezes demora, mas precisa continuar o tratamento. E depois de sumir todas as feridas, ainda precisa manter o tratamento por mais 30 dias.
      Boa sorte!

      Excluir
  68. Super obrigada por sua atenção. Só mais uma dúvida, posso dar xantinon? Vim da rua agora depois de procurar o iodeto e não achar, o farmacêutico desconhece onde posso encontrar. Sugeriu manipular em solução. Vc pode sugerir onde encontro?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Valéria!
      Em vez do xantinon (que usa metionina, e ela precisa ser metabolizada no fígado, portanto vai sobrecarregá-lo) use silimarina (50mg por dia), Pode usar o Legalon (que é a base de silimarina) ou comprar a própria silimarina em farmácias (lembrando da dose de 50mg por dia).
      O iodeto, se não achar em pó em farmácia, veja se acha em farmácia de manipulação... Explica que é para aplicação tópica.
      Boa sorte!

      Excluir
  69. Gisele, tenho uma gatinha que vem apresentando sintomas como espirros, muitos e coriza. Um líquído escorre, ferida ainda não apareceu, mas uma mancha avermelhada próximo ao nariz. Ela é muito arisca. Estamos administrando ITL 25mg há algum tempo, mas enquanto está tomando os sintomas desaparecem completamente, se parar em pouco tempo voltam. Já administramos o ITL por 3 meses, paramos e voltou. Retomamos e voltou novamente, e assim vem acontecendo. Quanto as feridas nada como o descrito acima por outros. O sintoma forte são os espirros contínuos e a coriza. Não administramos suplemento, vou começar.O que você aconselha?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gladys,
      Você jamais deve medicar um animal supondo que ele tem certa doença. Jamais. Você precisa urgente levar sua gatinha ao veterinário de sua confiança para ser examinada e diagnosticada. Só com o diagnóstico do que ele tem é que você pode, então medicá-la adequadamente. Espirros e coriza não são sintomas de esporotricose, podem ser de inúmeras doenças, algumas bem graves.
      O único conselho lógico é levá-la ao veterinário.
      O que você está fazendo é mascarando uma doença usando um medicamento que pode ou não ser adequado para ela. Com isso você sobrecarregar o fígado da sua gatinha e pode piorar muito o quadro geral do problema que ela tem...
      Existem outras micoses que atacam o sistema respiratório, e o ITL pode mantê-las com sintomatologia subclínica, mas não cura, e quando você para a medicação o problema volta.
      Ela precisa ser examinada por um profissional...
      Bjs, e boa sorte!

      Excluir
  70. Bom dia , Dra Giselle ! Estava pesquisando sobre o ITL Itraconazol e acabei caindo aqui nesse excelente tópico sobre o uso do medicamento em esporotricose ... Mas no meu caso , eu estou tendo que utiliza-lo em uma cachorrinha com infecção pulmonar por fungos (Histoplasmose ) e queria perguntar se a dose de 5mg por quilo em cães seria diária ou se tb teria que ser 2 x ao dia .... Ela tem 20kg , no caso teria que dar itl 100mg (2 x ao dia) ou seria metade desse comprimido (2 x ao dia) ? Peço desculpas pela pergunta ser de doença diferente do post ... mas estou com dúvida se essa dose de 5mg/kg é a dose diária dividida em 2 x dia ou dose 5mg/kg duas vezes ao dia . desde já lhe agradeço muito por uma orientação !!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Senior,
      Gratidão por ter gostado do tópico!
      Eu nunca tratei histoplasmose, então não tenho experiência com esta doença, mas li um trabalho científico ano passado sobre o tema, procurei e o achei de novo disponível no Scielo, e vou disponibilizar o link pra você no fim desta postagem.
      O ideal é que você siga o que o médico veterinário te recomendou. O trabalho que eu li recomenda a dose de 10mg/kg uma vez ao dia.
      Em geral, em cães, se usa o ITL uma vez ao dia mesmo.
      Veja o artigo e converse com o Veterinário de sua cachorrinha para tirar as dúvidas.
      Sobre a dose ser de 5 ou 10mg/kg, pode variar de acordo com a gravidade do caso. Se a recomendação do veterinário foi de 5mg/kg, mantenha essa dose.
      Segue o link do artigo:
      http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-09352013000600007

      Boa sorte!

      Excluir
  71. Boa noite prezada Dra Gisele,

    Ten um gato, na rua onde moro, com esporotricoze. A cada dois dias se abre uma nova ferida, ele é bem magro deve ter entre dois kilos. Ja possuimos dois gatos em um pequeno apto, porém gostaria de ajuda-lo a se curar, ate arrumar um lar temporário para ser melhor tratado. Posso dar pra ele itraconazol 50mg de manha e mais 50mg de noite? Esse mais em conta, dee humano, da ultrafarma, é eficaz? Ou melhor mandar manipular? Ja tem 3 feridas, estava espirrando um spray e amanhã vou começar a colocar o bicarbonato.
    Obrigado pela ajuda,
    Boa noite
    Guilherme

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Guilherme!
      Linda sua atitude! Parabéns!!!
      Se ele pesa cerca de 2kg, 50mg é muito.
      Pode dar 25mg de manhã e 25mg a noite.
      Se mandar manipular deve sair ainda mais em conta, mas pode dar o de humana sim, se for mais fácil pra você.
      O bicarbonato de sódio ajuda muito a secar!
      Se puder, dê 50mg por dia (uma vez ao dia só) de Silimarina (de humanos serve) ou legalon também, pra proteger o fígado.
      Ele vai ficar bom!
      Boa sorte!!!

      Excluir
  72. Olá Giselle, gostaria de ouvir uma opinião sua. Meu gato está com esporotricose há 4 meses e meio, tomando diariamente itraconazol. Nos primeiros 3 meses e meio ele estava apenas com os cornetos inchados, lacrimejando muito e com dificuldade para respirar. E desde o início parou de comer sozinho. Comecei a alimentá-lo através de seringa. A veterinária deu soro e vitaminas também, mas as vitaminas ele sempre babava e não ingeria muito. Ele usa 50 mg por dia e tem 3 kg e o quadro não regrediu, apenas diminuiu o inchaço. No último mês, o levei em outro veterinário que desconfiou de criptococose e mudou o medicamento para fluconazol 50 mg, duas vezes ao dia. Desde então ele começou a manifestar a ferida que em 1 semana veio com tudo e o levei para exame citológico e de levedura e ficou comprovado que era mesmo a esporo e não a cripto. A nova veterinária voltou com o itraconazol 50 mg 1 vez ao dia e disse que as enzimas do fígado e os rins dele estão bem, apesar de estar tomando o itraconazol todo esse tempo. Lendo aqui, vi sobre o uso do bicarbonato de sódio e do iodeto de potássio e já vou providenciar agora mesmo. Ele está agora com uma sonda esofágica, que facilita a alimentação e o uso das vitaminas há 14 dias e a ferida está horrível nestas últimas duas semanas. Vou usar o bicarbonato e o iodeto, bem como comprar um protetor hepático, embora ele esteja com o fígado bom. Vi que você recomenda o uso do itraconazol de 12h em 12h. Será que eu poderia usar 100mg por dia? Ou mando fazer capsulas de 40mg e dou duas por dia ao invés de uma de 50mg como agora. Acho que a dosagem de 50mg por dia está sendo pouca pra ele. Ele tem 3,2 kg e 8 anos e meio. Agradeço se puder me ajudar. Tá difícil vê-lo neste sofrimento 4 meses e meio. Se eu não tivesse o alimentado com a seringa esse tempo todo já teria morrido. Abraço. Gratidão!

    ResponderExcluir
  73. Oi Luiz Carlos!
    Nossa, imagino o que vocês estão passando...
    Passei muitos meses cuidando de uma gatinha doente que adotei, com rinotraqueíte crônica grave, mas valeu a pena, pois ela ficou 100%!
    O seu vai ficar também! :)
    No caso do seu gatinho, eu recomendo que dê sim 50mg duas vezes ao dia, totalizando 100mg.
    Como ele estava tomando 50mg ao dia, e não resolveu, meu receio é que tenha sido uma subdose, e isso acaba selecionando microrganismos resistentes. Então é melhor dar dose a mais do que a ideal neste caso.
    E dê, sim, todo o restante que você já leu aqui!
    Essa doença é muito ingrata, pois em muitos casos leva meses para curar...
    O principal é cuidar com amor e carinho, e isso você já está fazendo!
    Existem casos mais raros em que o itraconazol não resolve. Para estes casos tenta-se outros medicamentos, como iodeto de potássio em cápsulas, associada ou não ao itraconazol, anfotericina B (na lesão) associada ao itraconazol, entre outros menos comuns. Mas normalmente o itraconazol é muito eficiente. Caso continue o tratamento, agora na dose dobrada e com o bicarbonato de sódio e iodeto de potássio local, e não surta efeito, converse com sua veterinária sobre estas outras opções.
    Gratidão por ter lido a postagem e os comentários!
    Boa sorte! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gisele, não consegui o iodeto de potássio. Só em uma farmácia de manipulação, mas a farmacêutica me pediu uma prescrição para poder vender a matéria-prima, como ela disse. A última veterinária que estava tratando dele está fora do trabalho por problemas de saúde. Será que você tem como me mandar um e-mail com uma prescrição. A farmacêutica também sugeriu um gel com iodeto de potássio, mas também precisaria desta mesma prescrição.É possível me ajudar? Obrigado.

      Excluir
    2. Te respondi por e-mail, você recebeu?

      Excluir
  74. O meu gatinho está com esporotricose, mas não pode continuar o tratamento com itraconazol porque atingiu o fígado e o rim (ele já teve problema no rim há tempos e precisou até ficar internado durante meses). Quando usou o itraconazol, as feridas cicatrizaram bem rápido. Usei por 30 dias, e o vet tinha indicado o uso por 90. Mas com controle pelo exame de sangue, que acabou indicando que o itraconazol estava fazendo mal.
    Tive que parar e agora as feridas voltaram. Uso iodo dia sim e dia não para limpar as feridas. Até estão sequinhas, mas não sei o que fazer para tratar o fungo, já que só o itraconazol resolve...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Adriana!
      Pode tratar com iodeto de potássio também. Precisa de receita veterinária e manda manipular em farmácia.
      E pode usar bicarbonato de sódio duas vezes ao dia nas feridas. Ajuda a secar!
      Boa sorte!

      Excluir
    2. Oi tenho uma gatinha com essa doença, ela ainda pode está gravida, quarta-feira ela vai fazer a ultrassonografia, se tiver a veterinária disse que o tratamento pode matar os filhotes, se tiver mesmo gravida a veterinária disse que vai ter uma conversa seria para ver o que vai ser melhor para a gata, tenho até medo no que ela vai propor, gostaria de saber se tem como a gata fazer esse tratamento mesmo gravida, e o bicarbonato de sódio posso colocar na ferida 2 vezes por dia nela mesmo gravida? Ela tem duas feridas uma pequena na almofada da pata e outra que está na boca, a ferida da boca eu posso colocar o bicarbonato de sódio ou não? E se poder vai fazer mau se ela lamber? Eu voltarei para ver a resposta, desde já muito obrigada.

      Excluir
    3. Oi Jaqueline!
      Conheço um caso de uma gatinha grávida e com esporotricose que teve os filhotes sem problema algum, amamentou e ficou tudo bem. Mas é um risco sim... Pois a gravidez deixa o sistema imunológico dela mais frágil e a doença pode piorar, mesmo com o tratamento. Neste caso, a opção vai ser sua, mas é possível que a veterinária te proponha fazer a retirada dos filhotes...
      O bicarbonato de sódio não tem nenhuma contra indicação! Pode usar a vontade! Em qualquer local, estando grávida ou não. Ela pode lamber sim e não tem problema algum. Fique tranquila quanto a isso.
      Vamos esperar pra ver se ela está grávida mesmo ou não, mas é melhor que não esteja, assim tudo será mais tranquilo!
      Boa sorte!

      Excluir
  75. Oi a minha gata está gravida de aproximadamente 38 dias, a veterinária optou por espera os filhotes nascer e depois de algumas semanas começar o tratamento, até lá ela vai tomar um vitamina, a veterinária disse para não colocar nada na ferida, eu não disse nada sobre o bicarbonato de sódio, por enquanto uso na patinha e coloquei uma vez na ferida da boca,ela não gostou muito, mas agora fico na dúvida se uso na boca dela ou não, fico com medo desse tempo todo sem tratar e piorar,será que tem outro remédio que posso colocar para matar esse fungo? Esse iodeto de potássio pode usar? E poder como eu devo usar? Ele pode fazer mal aos bebês? Desde já muito obrigada por me responder na primeira pergunta que eu mandei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jaqueline!
      Eu sou veterinária! Te garanto que pode usar o bicarbonato de sódio sem problemas! O iodeto não... Falta pouco pra eles nascerem, então melhor esperar para começar o tratamento.
      Enquanto isso, vai usando o bicarbonato de sódio duas vezes ao dia, nas feridas.
      Boa sorte!

      Excluir
  76. Olá Giselle! Primeiramente gostaria de te parabenizar pelo blog, muito interessante! Eu tenho uma pug de mais ou menos 9 kg, que foi diagnosticada com dermatofitose há dois anos atrás. Eu não sei qual é exatamente o tipo de fungo, pois não foi feita a cultura de fungo. É realmente necessário fazer? A doença nunca desapareceu, apenas os sintomas foram amenizados devido ao uso do itraconazol e do shampoo cloresten. Há um mês atrás ela estava bem , mas por alguma razão, em tempo frio, como está agora em Brasília, a doença sempre volta. Assim, vou começar a dar o itraconazol novamente. Eu costumava dar o de 100 mg, é muito para o peso dela? Eu li nos comentários que não tem problema nenhum dar o itraconazol de humano, certo? O remédio combate exatamente os mesmos fungos? Não tinha pensado em fazer isso antes, eu sempre comprava em petshop e era extremamente caro. Eu li também que é bom dar um protetor hepático, a veterinária nem mencionou sobre isso, achei um erro! O omeprazol é um tipo de protetor hepático? O protetor deve ser administrado antes ou na mesma hora do itraconazol? Todos os dias? E em qual quantidade no caso dela? Qual é o período máximo e mínimo que o itraconazol pode ser utilizado? Eu sempre tive receio dela ter algum efeito colateral, por isso sempre acabava parando o tratamento depois de uns 15 comprimidos, quando ela tinha uma melhora significativa. Como eu estou disposta a começar o tratamento novamente, quero fazer tudo corretamente dessa vez. Um outro problema que ela tem é o olho extremamente seco. Ela sempre se coçou muito devido à doença e isso acabou prejudicando ainda mais os olhos. Ela não enxerga direito. Mas, eu acho que a questão do olho é hereditária porque ela sempre teve o olho muito seco desde filhote. Eu passo um colírio nela todos os dias, mas sempre acaba ficando seco após algumas horas. Em relação a isso, você tem alguma dica?
    Me ajude, por favor! Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Manuela!
      Tudo bem?!
      Em cães, em geral, as dermatofitoses são causadas por outros dois fungos: Microsporum e Tricophyton. O tratamento é diferente da esporotricose.
      O ideal, no seu caso, é levar a um veterinário e reavaliar o caso. Precisa ter certeza do diagnóstico e fazer o tratamento até o fim. Não pode parar antes. Ao parar antes você permite que os microrganismos que estavam conseguindo resistir ao medicamento sobrevivam e se reproduzam de novo, criando uma colônia nova que é resistente a este medicamento. Então, pode ser que o itraconazol não seja mais eficiente para tratar sua Pug... E ele pode ser usado por meses. Até que o animal fique curado. É preciso que você relate tudo isso ao veterinário que for examiná-la, para que ele avalie a necessidade de trocar o medicamento (ou não).
      Omeprazol é um protetor gástrico, para prevenir lesões na mucosa do estômago, que podem ser causadas por medicamentos. Para proteger o fígado o ideal é um medicamento chamado SAMe ou a Silimarina. Pode ser dado ao mesmo tempo sim.
      Bjs!
      Boa sorte!

      Excluir
  77. boa tarde a todos eu sei que essa doença esta afetando muito gatos,o meu tmb pegou, sei que é difícil o tratamento pois o remédio é caro, eu to na primeira caixa do itraconazol, paguei 45, 15 comprimidos e mais 25 do remédio pra cicatrizar que o veterinário passou, mas ñ devemos nunca abandonar nosso animal, a partir do momento que vc pega ou compra um animal ele é de sua total responsabilidade, eu estou tentando arrumar um lugar que faça doação do remédio pois ta difícil comprar o remédio, mas vou tentando.. que Deus ajude a todos que estão com esse mesmo problema.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Pode ser que você consiga doação do remédio na Fiocruz.
      Se não, mande fazer em farmácia de manipulação que sai mais barato.
      Boa Sorte!

      Excluir
  78. Oi Giselle, meu nome é Renilda, tenho um gatinho com essa doença, levei ao veterinário e ele receitou cetraconazol de 24/24 horas e cefalexina de 12/12 horas, porém o gatinho está tendo muita diarreia e as vezes vômitos, estou desespera, isso é normal????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renilda,

      Se realmente o diagnóstico foi esporotricose, e não outra micose, o ideal não é o cetoconazol, e sim o itraconazol, de 50mg de 12 em 12h, associado ao uso de silimarina 50mg uma vez ao dia (protetor hepático) e uso do bicarbonato de sódio nas feridas.
      Os vômitos provavelmente são de enjoo porque está tomando dois medicamentos sem protetor hepático. E não há necessidade do uso de cefalexina.
      Seu gatinho precisa se alimentar bem durante o tratamento, que deve seguir por mais pelo menos 30 dias após o desaparecimento das feridas, ok?!
      Se ele não quiser comer ração, dê pastinha, sachê, atum... Mas estimule-o a comer.

      Boa sorte!

      Excluir
  79. Dr. Giselle,Fizemos o exame e a veterinária disse que realmente é essa doença, ele alimenta bem a minha preocupação é a diarreia, o cetraconazol que ela passou ela é manipulado é de 65MG 1 vez ao dia... Devo dar duas vezes?
    Muita obrigada pela atenção, fiquei mais aliviada, sou louca por esse gatinho e farei.o que for preciso para vê-lo bem..

    Att. Renilda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renilda,

      Converse com a veterinária, pois o mais indicado no tratamento da esporotricose não é o cetoconazol, e sim o itraconazol. E o ideal é usar o itraconazol de 50mg duas vezes ao dia. Lembrando que é importante usar associado a silimarina 50mg uma vez ao dia (protetor hepático) e uso do bicarbonato de sódio nas feridas.

      Boa sorte!

      Excluir
  80. Bom dia. Dra. Achei um gato na rua machucado a pata aquse caindo. Levei no vet gastei quase 3000 me enrolei todo mas salavamos quase para toda perdeu um pedaço. A vet passou itracozonal 100 mg uma vez por dia. E unguento com carvao ativado na ferida. Mas toda hora a ferida abre. E vi que deveria dar remédio por fígado ela disse que não precisa. Apareceu uma gta grávida com ferida. Ela disse que pode dar remédio mas está aberta ferida. Pode me ajudar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Como já expliquei em comentários anteriores, minha opinião profissional é de que o ideal é usar o itraconazol de 50mg duas vezes ao dia, e não dose única de 100. E é sim importante usar associado a silimarina 50mg uma vez ao dia (protetor hepático) e fazer uso do bicarbonato de sódio nas feridas ajuda muito a secá-las mais rápido.
      Se puder, use também iodeto de potássio nas feridas, 2x por semana.

      Boa sorte!

      Excluir
  81. Bom dia Dr. Gisele acabei de receber a noticia que o meu gatinho estar com esporotricose ele tem uma ferida perto da orelha e outra na bariga mas estar pequena, e que eu venho tratando deste o inicio, fazendo limpeza com soro e aplicando no local uma pomada (bactrobam) a veterinaria receitou itraconazol de80mg uma vez ao dia e mecpeton(1 ml dia),estar correto? Posso confiar no tratamento ele já apresenta um inchaço na patinha e outro na barriga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu prefiro dividir a dose de 12 em 13h, mas alguns vets recomendam dose única diária. Eu não gosto do mercepton como protetor hepático... Prefiro a silimarina (é o princípio ativo do legalon, por exemplo). Na ferida, em vez da pomada, use o bicarbonato de sódio 2x ao dia, que o resultado é melhor.
      Boa sorte!

      Excluir
  82. Primeiramente obrigado pela sua orientação. só não entendi como dividir a dose, e silimarina eu compro em farmacia de VET. ATT; Marilda Barauna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marilda!

      Tem comprimidos que são fáceis de dividir a dose em duas, quebrando eles ao meio.
      Mas se o seu for de cápsulas, fica mais complicado, então dê em dose única mesmo.
      A silimarina compra em farmácia humana mesmo, comprimidos de 50mg. É para dar uma vez ao dia.
      O tratamento precisa continuar por mais 30 dias após sumirem todas as feridas, tá?! Se não, pode voltar.
      Boa sorte!

      Excluir
  83. Boa noite Dra. Giselle, estou com uma dúvida em relação ao contágio de Esporotricose. Minha gata no início desse ano (2016) teve esta doença confirmada por veterinários através de exames. Ela estava com uma ferida na pata dianteira, foi medicada e a ferida após 30 dias fechou totalmente. Se passaram 3 ou 4 meses após o fechamento da ferida e brincando com a minha gatinha, a mesma acabou me arranhando de sair sangue. A minha dúvida é: Há risco de contágio mesmo após 4 meses a ferida ter fechado totalmente? Há alguma chance da Esporotricose dela em si me contaminar? A doença estar em estado latente?

    Lavei a ferida com água corrente e sabonete Protex, logo em seguida joguei álcool em gel.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia!
      Não, não há nenhum risco. O esporotrix é um fungo. O contágio via arranhões só se dá quando o animal está com a doença visível, ou seja, com alguma ferida aberta, pois ele poderia se coçar e ficar com o fungo nas unhas e transmitir pra você ao arranhar.
      E esse fungo se pega em plantas. O gato é apenas mais uma vítima da doença. Antes ela era conhecida como doença de jardineiros.
      Além disso, se já fazem 4 meses que ela ficou curada, a doença já está curada. O que pode acontecer é pegar de novo, pois não fica imune.
      Da mesma forma, você pode pegar direto de plantas, se lidar com elas.
      Por isso, o ideal ao lidar com plantas é sempre usar luvas de proteção, para evitar arranhões em espinhos ou cascas.
      Gatos e cachorros sem a doença também podem ter o fungo nas unhas, então sempre que for arranhado por algum deles o ideal é fazer o que você fez, lavar com sabão a ferida.
      Boa sorte! :)

      Excluir
  84. Olá Drª Giselle,

    Bom dia,

    Tenho uma dúvida quanto ao uso do medicamento Itraconazol.

    Dividirei o texto com minhas dúvidas em dois comentários, pois ele ultrapassou o número máximo de caracteres permitido.Então, esta é primeira parte do texto.

    Meu cachorro tem 14 anos e teve uma doença causada por uma infestação de carrapatos, a qual foi tratada ao longo de 23 dias com Doxiciclina. Ele já não tem mais carrapatos. Mas está muito magrinho (embora tenha apetite e alimente-se normalmente) e observando sua gengiva, percebi-a meio pálida e penso que, como consequência desta doença, ele possa estar com anemia.

    Ele também está com uma infestação fúngica em seu corpo e no ouvido. Acho que é malasseziose.

    Ele apresenta escamação seca e branca na pelagem de seu corpo (algumas vezes esta escamação apresenta-se amarronzada).

    Para tratar este problema estou banhando-o semanalmente com sabonete de enxofre. Além disso, escovo-o 03 vezes por semana para a retirada das caspas.

    Seu pelo já está mais brilhante e o cheiro ruim e a queda de pelos diminuíram, mas ele continua com caspa.

    1)Assim eu queria saber: banhá-lo com sabonete de enxofre (Lucky Dog) e, em seguida, aplicar uma solução de água com vinagre é o certo a fazer nestes casos? Ou um shampoo a base de peróxido de benzoíla seria mais indicado? Caso não seja, que tipo de shampoo seria mais indicado para este tipo de problema (shampoo com cetoconazol, sulfeto de selênio, clorexidina, etc.)? (Continua...)


    Agradeço pela atenção e peço que, se puder, leia a continuação de meu texto.

    ResponderExcluir
  85. Olá,

    Esta é a continuação de meu texto, a qual apresenta outras dúvidas.

    [...]
    Já no ouvido há a presença de uma secreção marrom.

    Há dois meses seu ouvido estava pior, pois nele havia muita secreção escura e mau cheiro (semelhante ao cheiro de queijo).

    Estou tratando sua otite por meio de um creme dermatológico (remédio humano) a base de cetoconazol+betametasona+neomicina (Cimecort).

    Comecei a aplicar este creme no dia 21/07/2016, uma vez ao dia. Primeiro faço a limpeza de seu ouvido: retiro a secreção com o auxílio de um algodão umedecido em shampoo a base de cetoconazol diluído em água. Em seguida, seco sua orelha e aplico o creme em toda a sua extensão (mas não a introduzo em seu ouvido).

    Já pude observar melhoras, pois o mau cheiro em seu ouvido desapareceu e a secreção, além de estar mais clara, apresenta-se em menor quantidade.

    O problema é que o tratamento com o creme já está completando 03 semanas e ainda há secreção em seu ouvido. Na segunda semana de uso do creme quase não havia secreção, tanto que nem era preciso limpar a sua orelha, bastando aplicar o creme. Mas, nesta semana, a secreção retornou (a quantidade é pequena se comparada ao início do tratamento e não há cheiro algum, mas tem dias em que há mais secreção e outros em que há menos).

    2) Então eu queria saber se devo continuar aplicando o creme e por quanto tempo? Pois tenho medo que as substâncias presentes neste medicamento venham a prejudicá-lo. Posso aplicar este creme até os sintomas desaparecerem, mesmo que isso leve mais de um mês?

    Não estou aplicando nenhuma solução otológica nas partes mais profundas de seu ouvido porque ele não aceita este tipo de medicamento (ele não me deixa "pingar" nada em seu ouvido e somente aceita a aplicação do creme - com certa relutância - porque este não tem um cheiro forte).

    Também não estou dando-lhe nenhum medicamento antifúngico via oral porque temo que possa prejudicar o funcionamento de seu fígado.

    3) Então, gostaria de saber se a administração de um antifúngico oral, juntamente com a aplicação do creme dermatológico, solucionaria sua otite? Estou pensando em dar-lhe o Itraconazol (pois tenho medo de dar-lhe cetoconazol por este ser muito forte) e o Silimalon (para proteger seu fígado). Mas penso que possa fazer-lhe mal porque ele já é velhinho.

    4) Este medicamento – o Itraconazol – é seguro para cães idosos? Há chances muito grandes de ocasionar problemas em seu fígado?

    5) Também estou pensando em dar-lhe um suplemento vitamínico que contenha zinco, ferro e vitaminas do complexo B para tratar sua anemia e auxiliar no tratamento de seu problema de pele. Pensei em dar-lhe o suplemento vitamínico B9+ da Stem (vitaminas A, D,C, E, B1, B2, B6, B9, B12, Cálcio, Ferro e Zinco) ou o B+, também da Stem (Vitaminas B1, B2, B3, B6, B9, B12, B5, Biotina, Ferro e Zinco). Este tipo de suplemento vitamínico pode ajudar no tratamento da anemia e do problema de pele que ele apresenta?

    Numerei as perguntas para ficar mais fácil de identificar minhas dúvidas, pois meu texto ficou muito extenso e um pouco confuso.

    Desde já, agradeço a atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa Tarde,

      No caso do seu cão, desde o começo do tratamento da doença do carrapato ele deveria ter tomado um protetor hepático e um suplemento para tratar a anemia, que sempre está presente nesta doença. O fato disso não ter sido feito debilitou o sistema imunológico do seu cãozinho... Ele está fraco e não consegue combater suas infecções.
      Ele precisa sim de suplementos vitamínicos.
      O ideal é que você o leve a um veterinário para um exame detalhado. O problema no ouvido pode ser diferente do problema na pele. Não tem como tentar adivinhar sem examinar... Nem eu e nem você.
      O que você está usando no ouvido dele pode ser totalmente desaconselhável e estar só piorando a situação.
      Existem vários tipos de otites... Pode ser bacteriana, fúngica, parasitária... Só examinando pra diagnosticar.
      Além disso, existe otite externa e interna, e cada uma é tratada de forma diferente. Só examinando pra saber.
      Sai mais barato e é muito mais seguro levar ao veterinário para um diagnóstico preciso do que ficar medicando sem ter certeza. Além disso, certas raças não toleram alguns tipos de medicamentos e não podem tomá-los. Só um veterinário irá receitar com segurança.
      Sobre o itraconazol, pode sim ser usado em cães idosos, desde que seja indicado para a doença que ele apresenta.
      Leve seu cãozinho ao veterinário, é o mais indicado, pois ele apresenta múltiplos problemas e pode ser que apenas um medicamento seja suficiente para tratar tudo, mas também pode ser que não.
      Boa sorte pra vocês! :)

      Excluir
    2. Olá!

      Obrigada por responder minhas dúvidas.

      Agora eu queria saber quais medicamentos, além da ivermectina, um border collie não pode tomar? É que meu cachorro é mestiço de border collie, tendo parentesco muito próximo com esta raça, uma vez que seu pai era border collie.

      Itraconazol, cetoconazol e silimarina são contra indicados para esta raça?

      Queria saber isso porque uma vez um veterinário receitou ivermectina para o meu cachorro sendo ele mestiço de border collie. E, se eu não soubesse que esse medicamento é proibido para esta raça, meu cachorro teria sido prejudicado.

      Obrigada!

      Excluir
    3. A ivermectina não pode em nenhum cão de raças pastoras, entre elas o Border Collie. Isso porque cães destas raças costumam apresentam uma sensibilidade à ivermectina, resultante de uma mutação no gene de resistência a múltiplas drogas (MDR1). Neste caso específico, a ivermectina ultrapassa a barreira hematoencefálica do cão e ataca as células cerebrais. Porém, há um exame de sangue, que deve ser encaminhado para laboratórios credenciados para realização desde exame, que diagnostica se seu cão pode ou não tomar ivermectina, pois ele detecta se o cão tem esse gene mutante MDR1. Se ele não tiver, pode usar a ivermectina.
      Sobre outras drogas, o ideal é sempre consultar um veterinário. Até onde sei, itraconazol e cetoconazol não tem contraindicação para raças. A silimarina com certeza você pode dar, pois é um protetor hepático.
      O que ocorre, além de algumas raças apresentarem problemas com alguns medicamentos, é a sensibilidade individual do animal para drogas. Isso envolve aspectos genéticos, imunidade, estado de saúde geral e, principalmente, de fígado e rins, que são órgãos responsáveis por metabolizar e eliminar a maioria dos medicamentos. Por isso que jamais se deve praticar medicação sem antes consultar um veterinário. Muitos remédios de humanos, por exemplo, são tóxicos para alguns animais. Outros tem dosagem totalmente diferente. Não se deve brincar com a saúde dos animais, então sempre leve ao veterinário.
      Boa sorte!

      Excluir
  86. Respostas
    1. Gratidão! :)
      Estou criando um só com dicas veterinárias. Quando ficar pronto vou avisar por aqui.
      Bjs!

      Excluir
  87. Bom dia Dr:Giselle
    estou muito feliz que o meu gatinho já cicatrizou as feridas, mas continuo preocupada que ele ta com um inchaço na patinha e um bem pequeno na barriga perto da antiga ferida, falei com a veterinaria e ela simplesmente disse que e assim mesmo. Mas estou com uma duvida sera que poderar abrir novas feridas?
    ATT; Marilda Barauna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marilda!
      Boa tarde!
      Que bom que cicatrizaram! Mas o principal segredo dessa doença é justamente manter o tratamento por no mínimo 15, ideal 30 dias após as feridas cicatrizarem, pois pode voltar sim.
      Então mantenha o tratamento por mais duas semanas no mínimo, ok?!

      Bjs!
      Boa sorte!

      Excluir
    2. Dr: Giselle
      Boa tarde!
      A veterinaria recomendou a medicação por 90 dias, indepedente das feridas ter cicatrizado

      Excluir
    3. Isso! Assim garante que não volta.

      Excluir
  88. Amigos, no site da Ultrafarma, comprei o Iodeto de Potássio e o Itraconazol baratíssimos e entregaram em 2 dias.

    ResponderExcluir
  89. O exame de citologia do meu gato deu o seguinte Presença de hemácias, neutrófilos polimorfonucleares degenerados, piócitos,
    eosinófilos (2 p/ campo), macrofagos e leveduras de Sparothix sp fagocitados pelos macrofagos. CONCLUSÃO:
    Presença de Piogranuloma inflamatório e Esporotricose

    O veterinário tava tratando como se fosse uma lesão provocada pelo excesso de sol em gato branco.Como não deu resultado fez agora o exame de lamina. O que vc acha, além da esporotricose tem mais alguma coisa ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia!
      Existe uma reação inflamatória, que pode ser pela esporotricose, ou por uma infecção bacteriana conjunta. O uso do bicarbonato de sódio no local vai ajudar em ambos os casos.
      Mas, pode usar um antibiótico também, a cefalexina, na dose de 30mg por quilo, duas vezes ao dia, por 10 dias. Vai cuidar da possível infecção bacteriana.

      Boa sorte!

      Excluir
  90. Oi minha gatinha tem quase 1 ano, e eu suspeito que seja esporotricose pq um gato de rua apareceu aqui e estava com essa doença, ele sumiu e depois encontramos ele morto pela esporotricose, então suspeito que seja esporotricose o problema é que ela está grávida e eu n sei oq fazer, n tenho condições de levar ela no veterinário pois só a consulta é 40 reais fora os exames pra saber se é ou n é, eu estou mt preocupada com o filhotes que logo logo vão nascer! Será que eles já estão com a esporotricose?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Natane,

      Como já disse em comentários anteriores, sai muito mais barato levar ao veterinário e ter certeza do diagnóstico e tratar da forma correta do que ficar supondo o que o animalzinho tem e tratar por conta própria. Se você errar o diagnóstico, além de gastar dinheiro a toa, vai agravar a doença e sua gatinha pode morrer, ainda mais por estar grávida, já que fica com a imunidade mais baixa.
      Para nos tornarmos médicos veterinários, estudamos no mínimo por 4 anos e meio, fora as especializações. E ainda assim podemos errar o diagnóstico, caso não tenhamos como fazer os exames de diagnóstico mais precisos. Então, é muito triste quando vejo pessoas pesquisando no Google e achando que assim é possível diagnosticar e tratar a doença dos seus bichinhos, e acabam matando eles. Já vi isso acontecer inúmeras vezes... Chegam em mim já com o bichinho muito mal, por conta de diagnóstico errado via google, e nem sempre dá tempo de fazer alguma coisa para reverter o quadro e salvar o animalzinho... Muitos usam medicamentos que não poderiam ser usados, ou na na dose errada, e é o próprio tratamento errado que leva o bichinho à morte.
      Se você aí tem um veterinário que só cobra 40 reais a consulta, agradeça muito, pois uma consulta veterinária não costuma ser menos de 60 reais, e isso em cidades de interior, porque nos grandes centros ninguém cobra menos de 100. A gente estuda e gasta muito dinheiro pra se formar, e uma consulta de 40 reais é quase trabalho voluntário... Esse veterinário aí deve ter um coração de ouro.
      A esporotricose passa por contato, caso haja alguma ferida exposta. Os filhotes não vão nascer com a doença, mas podem pegar depois, pelo umbigo, caso seja esporotricose. Também pode ser apenas uma micose comum ou uma doença de pele bacteriana, cujo tratamento é mais simples, mas também é contagioso.
      Faça um esforço e leve sua gatinha ao veterinário. O exame de lâmina é muito barato e deve ser suficiente para o diagnóstico.
      E, um conselho, procure em sua cidade se há campanhas de castração gratuitas e castre sua gatinha depois, pois dois meses após os filhotes nascerem ela vai entrar no cio de novo, e se você não conseguir adotante para os filhotes vai acabar tendo um monte de gatinhos aí e não vai ter condições para cuidar deles...
      Se sua situação for tão difícil que não tenha mesmo como pagar o veterinário, também não vai ter para comprar os remédios...
      Tente usar o bicarbonato de sódio (que é muito barato) na ferida por no mínimo duas vezes ao dia. É o mínimo que dá pra fazer sem dinheiro...
      Não vai curar, mas pode conter a doença e impedir que se espalhe. Quando tiver condições, leve ao veterinário para ter certeza do que é e trate da forma correta.

      Boa sorte!

      Excluir
  91. Olá doutora,no caso de cães que precisam fazer uso prolongado de determinados medicamentos que afetam o fígado, a silimarina pode ser substituída por cápsulas de alcachofra (que vende em farmácias e é mais barata que a silimarina)? Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      A alcachofra é ótima para o fígado, apesar de como protetor em caso de medicamentos eu preferir a silimarina. A alcachofra é mais curativa e deputativa do que protetora. Bom seria usar ambas!
      Boa sorte! :)

      Excluir
  92. Adotei uma gata e ela está prenha e com esporotricose. Posso dar itraconazol?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Danilo,
      Como a doença vai agravar muito se você não der, acho que não tem muita escolha...
      Mas você já levou ao veterinário para confirmar o diagnóstico?
      Como já disse antes aqui, pode parecer esporotricose e não ser...
      Boa sorte!

      Excluir
    2. Olá Gisele. É esporotricose, levei ao veterinário e ele confirmou. Moro em uma cidade pequena e não tem veterinários bons aqui e até ja me disseram pra sacrificar, pois falaram que não tem cura e pesquisando vi que tem cura sim. Peguei ela na rua sábado para cuidar dela, pois fiquei com muita dó.
      A esporotricose dela está somente de um lado do rosto e não é muito, mas tem bastane ferida e o resto do corpo está normal.
      Coloquei ela em um barracão ao lado de minha casa para não contaminar o gato que temos em casa.
      Estou dando itraconazol e xantínon para ela. Será que ela melhora? POsso misturar estes remédios na papinha de wiskas para ela comer?
      ajuda a gente eu e minha mãe estamos fazendo de tudo, pena que não tem veterinário bom aqui e eles falam para sacrificar.
      Desde já agradeço.
      Obrigado.

      Excluir
    3. Oi Danilo!
      Parabéns a você e a sua mãe pela bela atitude! Pode dar remédio sim, junto com pastinha, pra ela comer. Faço muito isso aqui com os que eu cuido!
      Só troque o xantinon por silimarina, que é muito melhor e mais barato. dê a ela 50mg de silimarina (compra em farmácia humana) uma vez ao dia, até terminar o tratamento.
      O Itraconazol precisa ser de 50mg, duas vezes ao dia. E nas feridas, pode colocar bicarbonato de sódio, duas vezes ao dia também. Ajuda a secar as feridas e a matar os fungos.
      Sumindo as feridas, trate por mais 30 dias, pelo menos, pois precisa tratar por no mínimo 60 dias, tá?!
      Boa sorte!!!

      Excluir
    4. Muito Obrigado Giselle.
      Estamos medicando ela e com certeza irá curar.
      Estou dando itraconazol 70mg que o veterinário receitou, pois ela tem apenas uns 5 ou 6 meses. É melhor dar de 50mg 2 x ao dia?
      Muito obrigado pelas informações.

      Excluir
    5. Oi Danilo!
      Eu prefiro o tratamento em 12 em 12h, com itraconazol de 50mg.
      Acho mais eficaz...
      Mas como ela está grávida, talvez seja melhor manter uma vez ao dia o de 70mg mesmo. Se em uma semana você não notar melhora, aí passe a dar 50mg de 12 em 12h.
      Se você puder, dê a ela um suplemento também, pra fortalecer seu sistema imune.
      Eu gosto muito do Metacell.
      Vai ser bom para ela e para os filhotes.
      Boa sorte!
      E me dê notícias!
      :)

      Excluir
    6. Olá Giselle, Tudo bem?
      Ela está melhorando muito rápido, estou me surpreendendo. Vou continuar com o mesmo tratamento, caso pare de melhorar dou de 50mg de 12 em 12. Quando fechar totalmente as feridas posso colocar ela em casa com o outro gato? Tenho dó de deixar ela sozinha.
      Muito obrigado.
      Danilo

      Excluir
    7. Oi Danilo!
      Que bom!!! :)
      Mas e melhor esperar pelo menos uns 5 a 6 dias após fechar as feridas para levá-la pra dentro de casa, por garantia. Depois é tranquilo sim, pois sem as feridas o risco de contaminação de outros é nulo.
      Boa sorte! :)

      Excluir
    8. Ah! Outra coisa! Providencia um ninho pra ela ter os filhotes. Elas gostam muito de caixote. Tente arrumar uma caixa de papelão grande e forre com cobertinhas e/ou toalhas, e deixe disponível pra ela. Muito provavelmente ela vai escolher ter os filhotes dentro da caixa. E deixe a caixa com uma parte fechada, igual uma toca mesmo. Ela vai se sentir mais segura.

      Excluir
    9. Obrigado Giselle.
      Outra coisa, ela está com sarna e está se coçando bastante e com uns pontos pretos perto do das tetinhas, posso das algum remédio para sarna?
      Obrigado.

      Excluir
    10. Pode sim, usa nela um spray chamado Ectomosol. Melhor tratar logo, antes dos filhotes nascerem, pra que eles não peguem. Use uma vez ao dia por três dias nos locais com sarna. se não curar tudo em sete dias, pode repetir a aplicação na semana seguinte.

      Excluir
  93. Oi minha gatinha foi diagnosticada com esporotricose, já está sendo medicada com itraconazol e antihepatico porém ele teve filhotes antes de iniciar o tratamento por recomendação médica! Os filhotes já tem 6 dias e estão abrindo os olhinhos. Porém eles estão falecendo um por um. Estou mt triste pois é um sofrimento. Será q o itraconazol está afetando o fígado dos pequenos? Eles estão morrendo com diarreia, e derrepente! Será q devo interromper a amamentação deles? Tenho uma gata q tbm teve filhotes porém ela está livre da esporotricose! Será q se eu tirar eles da mamães deles, e deixar pelos cuidados da outra eles vão sobreviver? Será q eles já nasceram com a esporotricose e está atacando eles por dentro? Será q é aconselhável q ela pare de amamentar os pequenos? Me ajuda!!!

    ResponderExcluir
  94. Oi!
    O que os filhotes têm não é esporotricose, não...
    Essa diarreia pode ser por conta do itraconazol sim, afetando fígado deles. Mas também pode ser uma infecção nos filhotes, que nada tenha a ver com o tratamento da mãe...
    No seu caso, eu tentaria ver se a outra gatinha adota eles, sim.
    Se ela não adotar, você pode tratá-los com uma mistura de leite para filhotes de gatos, procurando sempre mantê-los bem aquecidos.
    Se não souber como fazer, me peça aqui que te explico o passo a passo.
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A outra mamãe adotou eles sim, o problema é q eles continuam a morrer todos os dias se vai um,a gata com esporotricose amamentou tbm os filhos da outra gatinha e nenhum deles morreu somente os dela! Tô meia confusa com isso! Pq se os outros gatinhos mamaram Nala por vários dias e nenhum deles morreu tbm, somente os gatinhos da mãe com esporotricose estão a falecer, n estou entendendo já parei de deixar ela amamentar porém eles ainda estão a morrer, só restaram 2 filhotes! ����

      Excluir
    2. Pode ser que eles tenham nascido com algum problema congênito... Alguma má formação. Infelizmente não há o que fazer...
      Sinto muito...
      :(

      Excluir
  95. Boa noite dra bem venho pedir ajuda, tenho um gato com estopotricose estou tratando com itraconazol 100 mg já fazem 4 meses as feridas secam e voltam e normal isso?

    ResponderExcluir
  96. Boa noite dra tenho uma gatinha com espotricose venho tratndo com itraconazol manipulado de 100 mg as feridas na patA estão secas mas ela espira , sai sangue estou preocupada?

    ResponderExcluir